Mais de 3 milhões de pessoas em todo o mundo orando por um mesmo propósito

março 10, 2011 No Comments

Sexta-feira, dia 04, mais de 3 milhões de pessoas em todo o mundo oraram por questões em comum, com serviço preparado e escrito pelas mulheres do Chile, na América do Sul.

O Dia mundial oração ocorre toda a primeira sexta-feira do mês de março, sendo um movimento iniciado por mulheres cristãs e realizado em mais de 170 países em todo o mundo, segundo informa a organização no seu site.

O tema da oração para este ano é “Quantos Pães vocês têm?” e o país escolhido para ser realizado o serviço e ter foco na oração foi o Chile.

“As mulheres chilenas estão lutando contra o impacto da globalização e questões ambientais, tais como poluição do meio ambiente e super população nas áreas urbanas,” disse a organização no site oficial dos Estados Unidos.

Na apresentação do serviço preparada e divulgada pelas mulheres chilenas abordou-se 1 Reis 17. 8-16, passagem que fala da viúva de Sarepta que sem ter quase recursos, alimentou a Elias com um pouco de pão. Neste momento se compartilha alguns episódios dos quais o Chile tem enfrentado.

“Foram tempos de compartilhar o pão a partir da pobreza.”

A primeira leitura falou sobre a “repressão e a matança usadas como mecanismo de controle social,” pedindo oração, “pelos pobres e famintos, pelas vítimas da ganância e lucros excessivos.”

“Ensinemos a ter compaixão de todos, para que ninguém fique excluído dos bens que você [Deus] tem posto neste mundo.”

A segunda leitura abordou as zonas das minas de carvão em Lota, no sul do Chile, um dos lugares mais pobres do país e cenário de greves e movimentos trabalhistas até o seu fechamento em 1997. As mulheres sempre foram companheiras de luta de seus homens. Se pede a oração de intercessão pelas “mães que saem de suas casa em busca de pão de cada dia, tendo que deixar seus filhos sós.”

A terceira leitura tratou da época da “ditadura do General Pinochet, depois de um golpe de estado, deixando um grande número de mortos, detidos e desaparecidos.” Faz-se aqui o pedido de intercessão, “pelas mulheres golpeadas, mal tratadas, violentadas, pelas que vivem com HIV/SIDA, pelas que buscam afeto, pelas trabalhadoras mal pagas, pelas que não tem um teto para dormir, pelas irmãs que não tem um pouco de farinha nem um pouco de azeite para amassar o pão de cada dia.”

A quarta leitura fala dos benefícios que a globalização traz para alguns e desperta a ganância dos grandes grupos de poder econômico, “que veem em nosso país uma forma de investir com grandes ganâncias para eles”… “Se pede oração pelas crianças do mundo que vão dormir cada noite com o estômago vazio, pelos homens e mulheres que buscam trabalho e não o encontram.”

“Oremos pelos doentes, os aflitos e tristes, pelos que têm familiares desaparecidos e pelos oprimidos.”

O evento da oração foi originalmente iniciado no sec. XIV, por mulheres nos Estados Unidos e Canadá, em que através da oração iniciaram uma variedade de atividades de apoio à participação de mulheres na obra missionária nacional e estrangeira e essas atividades estivesem ligadas à: identificação com as necessidades das mulheres e crianças, obra missionária, estudos informativos sobre a vida das mulheres em outras partes do mundo, organizações de estruturas interdenominacionais com ação social e solidárias.

O Dia Mundial de Oração nasceu oficialmente em 1926, quando as mulheres da América do Norte distribuíram a liturgia do culto de oração para muitos países e missionários, depois que em 1920, as mulheres do Canadá estabeleceram o dia de oração do Canadá na primeira sexta feira da quaresma.

A coordenação do Dia Mundial de Oração nos Estados Unidos é regido por um movimento interdenominacional conhecido como The Church Woman United (Igreja Unida de Mulheres).

Um comitê internacional formado se reúne em Assembléia a cada quatro anos, e a cada encontro é feito em um país diferente. A primeira sexta-feira de março foi fixada como data oficial da celebração do Dia Mundial da Oração.

Cada Assembléia oferece contribuições especiais ao crescimento do movimento como: compartilhar experiência do DMO, selecionar temas e autoras para elaborar a liturgia, eleger Comitê Executivo.

O primeiro serviço começa no nascer do sol em Tonga, e se moverá em torno do mundo até o por do sol no vizinho Samoa Ocidental. Até esse momento o dia será celebrado em mais de 170 países.

Fonte: Christian Post / Jornal Gospel News

Comportamento, Familia, Ministérios, Pastores

Leave a Reply

(obrigatório)

(obrigatório)


ELE VIVE!

A discussão começou por bobagens. Não demorou muito e o nivel baixou para a agressão verbal; Foi um verdadeiro...

QUERO MINHA LIBERDADE DE VOLTA

O universo é tão vasto e cheio de mistérios! Eu sou pequeno, de frágil matéria e ainda vivo tão...

UM BEIJO PARA JESUS

Depois do olhar, o beijo é o que mais comunica em tão curto espaço de tempo. Um beijo diz...

CULPA

Milhares de pessoas ao redor do mundo padecem pela culpa. A culpa tem sido direta ou indiretamente a grande...

Entrevista com Elaine de Jesus

01 – Como está a expectativa pelo lançamento do seu primeiro DVD pela Sony Music? ​ ​A expectativa pelo lançamento deste...

SBB presente na YouVersion

Plataforma que disponibiliza a Bíblia Sagrada em vários idiomas conta com a parceria da Sociedade Bíblica do Brasil, com...

Amanda Beatrice mostra a força das redes sociais na divulgação de seu novo CD

Cantar, um talento nato que se estende por toda a vida. Esse sempre foi o pensamento e desejo no...

André Valadão recebe em casa os craques do futebol mineiro

Pierre, Ceará, Leonardo Silva, Fábio, Tardelli e Léo. Nomes mais do que conhecidos do futebol de Minas se reuniram...

SBB pede ajuda para reparar embarcações no Pará

Danificados por terem ficado à deriva no Rio Guará, em Belém, barcos precisam passar por reparos estimados em 20...

Get Adobe Flash player Plugin by wpburn.com wordpress themes