O PRIVILÉGIO DA PRECE

Praying WomanAntigamente a comunicação à distância era feita através de cartas enviadas por mensageiros em lombos de animais. A tecnologia foi avançando, logo surgiram o telegrafo, o rádio e a TV. Hoje, tudo acontece assim, num estalar de dedos. Sabe-se que basta um “clic” para que notícias se espalhem no mundo todo. Temos à disposição uma parafernália de opções de comunicação simultânea, individual ou coletiva, a partir de fibras óticas, satélites, ondas e outros recursos que configuram a poderosa net, onde a mania é ser online; e a cada dia novos recursos são descobertos. Assim transformamo-nos num minúsculo planeta onde somos todos quase que “vizinhos”. Como diz o adágio popular, “quem não se comunica se estrumbica”. Especialistas chegaram a conclusão de que a falta de comunicação é uma das maiores causas de divórcios nos Estados Unidos. A falta de comunicação tem sido também a maior causa de divórcio do homem com Deus.
Estranhamente, o homem tem se utilizado de recursos de sistemas de ondas e outros sofisticados aparelhos de escuta na tentativa da busca por sons de Deus pelo universo. Mal sabe o homem que para comunicar-se com Deus não há necessidade de toda essa parafernália da comunicação. Na oração não há ruídos, não há sinal de ocupado, não há trotes, não há vírus, não há quedas de sinal, não precisamos de satélite ou qualquer outro aparelho eletrônico e nem mesmo precisamos emitir qualquer som vocal. A oração nos aproxima do nosso Criador, o Ser soberano do universo. Uma inspirada escritora norte-americana disse: “nunca estamos tão próximos de Deus do que quando ajoelhados”. A mesma escritora disse: “A oração é o abrir do coração a Deus como a um amigo”. É através da oração que mantemos acesa a chama de nossa amizade com Deus.
A oração tem poder terapêutico, curativo e transformador. A Palavra de Deus diz: “e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.” Tiago 5: 16. Mas a oração transcende nossas necessidades. Ela nos aproxima de Deus fazendo-nos dependentes Dele. Quando oramos, estamos expulsando o inimigo e mostrando ao universo de que lado estamos no grande conflito entre o bem e o mal. Neste mundo atribulado em que vivemos, onde a correria pela vida absorve nossa atenção, somos por vezes levados a nos esquecer de Deus. Como é gratificante saber que podemos separar diariamente um momento especial para dedicarmos à comunhão com o nosso Criador em gratidão e reconhecimento de que tudo o que temos e somos vem Dele.
Devemos  aproveitar esse privilégio, porque nem sempre foi assim tão fácil. Com a entrada do pecado, o homem tinha acesso a Deus somente mediante a intercessão de um sacerdote humano, que oferecia o sacrifício de um cordeiro para o perdão dos pecados.
Hoje, pelo sangue de Jesus, esse ritual tornou-se desnecessário. Podemos falar diretamente com Deus através da oração, em nome de Jesus. Que privilégio! Lancemos mão dessa imensa oportunidade de, em qualquer momento e de qualquer lugar, podermos falar diretamente com o Onipotente Criador do universo.

Por:  Rubens Silva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *