Você pode imaginar o sentimento de acordar toda manhã sem saber se seu marido está morto ou vivo?

despertador1O marido de Christine, Benham, é líder de uma igreja Iraniana. Ele foi preso em 2011 sob falsas acusações políticas e tem sido brutalmente espancado pelas autoridades da prisão e outros detentos.

Mas o novo presidente Iraniano, Hassan Rouhani, tem prometido libertar prisioneiros políticos. Esta pode ser a chance de Cristina de ter seu marido em casa novamente…

Por favor, nos dê o dia de hoje para lembrar o Presidente Rouhani de suas promessas.

Mês passado pedimos a vocês para se engajarem na campanha em favor de Shahin Lahouti, outro Cristão Iraniano preso sob acusações políticas. Ele é um dos mais de cem Cristãos que foram presos no Irã desde 2011, cada vez mais sob falsas acusações políticas. É uma tática que vemos ser usada repetidamente pelo governo Iraniano – prender minorias religiosas sob acusações políticas ilegítimas, tal como “ação contra o estado”, para amenizar o fato de que foram realmente presos por conta de sua fé.

Mas estamos esperando que a eleição do Presidente Rouhani possa ser um ponto de virada para muitos prisioneiros Iranianos. Ele já libertou muitos prisioneiros políticos e é visto como mais moderado que seu predecessor, e quer reconstruir as relações com o Ocidente. Ele recentemente fez esforços para construir pontes com os EUA em particular – um gesto histórico, considerando as r]tensas relações que seguiram a ocupação da Embaixada Americana em Teerã pós-Revolução. Nós precisamos responder a estas mudanças, reforçando a nossa defesa política no Irã, na região da União Europeia e Nações Unidas.

Seu esforço vai nos fazer alertar políticos e oficiais internacionais de renome, os encorajando a manter o Presidente Rouhani firme nas suas declarações.

Por Shahin, por Benham e pelas suas famílias – por favor, nos ajude a mostrar ao Irã que o mundo está observando e levando isto em conta.

Muito obrigado.

Mervyn Thomas
Diretor Executivo da CSW

___________
FONTE: CSW
TRADUÇÃO: JORGE ALBERTO 

Adaptado por: ANAJURE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *