A pregação evangélica desmistificada e acessível

janeiro 16, 2014 129 Comments

A Semente é a Palavra - CapaA Semente é a Palavra - CapaO pastor e escritor Deivinson Gomes Bignon lança manual moderno para difundir a Palavra de Deus

Vivemos em um mundo e em uma época de ebulição. As pessoas correm sem parar – e geralmente sem saber sequer por que, ocupadas que estão com seus problemas e obrigações. Torna-se cada vez mais difícil encontrar tempo para se realizar qualquer reflexão; inclusive nos questionar por que fazemos o que fazemos, e para onde estamos indo, afinal.

Neste cenário pós-moderno frenético e febril, o pregador evangélico vê-se diante de um grande desafio: mais do que pregar, é necessário pregar de tal forma que suas palavras façam real sentido para quem as recebe. E para tanto é preciso estar conectado com a realidade, mantendo-se fiel aos ensinamentos bíblicos, porém adequando-se a esta linguagem contemporânea, que exige adaptação e muita inteligência.

Tarefa nada simples, mas que parece tornar-se acessível durante a leitura do livro A Semente é a Palavra (Ed. Contextualizar, R$40), do pastor e escritor Deivinson Gomes Bignon. O título é uma metáfora retirada da Bíblia, que compara as pregações com sementes que germinarão no coração dos ouvintes – e é sobre esta metáfora que se desenrola o texto da obra.

O autor realizou uma competente e rigorosa pesquisa para escrever este livro, que traz, além de abordagens evangélicas clássicas, uma visão atualizada e original dos temas tratados, desprovida de preconceitos, transformando A Semente é a Palavra em um trabalho único no meio literário evangélico. Um livro que veio, de fato, para fazer a diferença.

De maneira clara, didática e compreensível, Deivinson levanta diferentes e relevantes questões, colaborando para que o pregador evangélico atualize e aperfeiçoe suas preleções, tornando-as mais eficientes, e transformando seu discurso em palavras que motivem ações, mudanças e reflexões.

Por meio de teorias linguísticas aplicadas ao discurso evangélico, o livro é dividido em 12 capítulos, que abordam os principais pontos para uma pregação evangélica atual e eficaz. Sem preconceitos e nem ranços ultrapassados, Deivinson trata de assuntos que vão desde a percepção de nossa atual realidade, até a importância e os cuidados que o pregador deve ter para utilizar as ferramentas interativas disponíveis atualmente em favor de sua pregação, e de sua legítima compreensão por parte dos fiéis.

A Semente é a Palavra traz ainda, a cada novo capítulo, os principais tópicos ali abordados, facilitando assim a leitura daqueles que procuram aprender sobre um assunto específico. Além do mais, ao final de cada capítulo o autor apresenta algumas perguntas, através de um pequeno questionário, cujo objetivo é levar o leitor a refletir, reiterando o que foi ensinado e mensurando até que ponto tais questões foram assimiladas.

Contudo, talvez o maior mérito do autor seja ter conseguido alcançar com seu texto a clareza e a simplicidade necessárias para se fazer compreender, sem que isso arranhe ou prejudique o conteúdo e as informações contidas na obra. Afinal, como o próprio autor cita em seu texto, “A pregação eficaz tem de fazer sentido”, para todos, e não somente para alguns. E para tanto se torna necessário dinamismo, interação e criatividade – qualidades que não faltam na obra.

No entanto, também é preciso cuidado para não transformar a pregação em um espetáculo: exuberante, porém vazio, focado mais na forma do que no conteúdo. Uma linha tênue e perigosa, mas que é esclarecida de forma certeira pelo autor.

Assim sendo, o livro, que é destinado principalmente aos pregadores evangélicos que esperam aprimorar, através de conteúdo inédito, sua preleção, é igualmente muito útil para leigos interessados na disseminação dos ensinamentos bíblicos, e que certamente se beneficiarão das valiosas orientações descritas por Deivinson.

A Semente é a Palavra é leitura obrigatória para todos que buscam uma maneira eficaz e inteligente de comunicar a Palavra de Deus. E para todos nós, que vivemos neste mundo pós-moderno frenético e febril, correndo sem parar e sem saber sequer por que, ocupados que estamos com nossos problemas e obrigações.

Sobre a autora:

Carla Siqueira de Andrade é jornalista e assessora de comunicação.

E-mail de contato: carlasicandrade@gmail.com

Por Carla Siqueira de Andrade.

Comportamento, Livros, Pastores, Pregadores

Leave a Reply

(required)

(required)


Cantora Alice Melody fala sobre novo single na Rede Aleluia em Volta Redonda.

      A cantora Alice Melody estará neste sábado (16) no programa ConeXão Jovem da Rádio 101.5 FM...

Alice Melody “Meus 15 anos”

Meus 15 anos! Não é um filme, mas parecia um conto de fadas no país das maravilhas, o aniversário...

Eleições 2018: Evangélicos saem na frente, têm presença na mídia, diz pesquisadora

A pesquisadora da Universidade Federal Fluminense Christina Vital é co-autora do livro “Religião e Política: Medos Sociais, Extremismo Religioso...

“Jesus me transformou”: zagueiro Alex Silva revela que chegou ao fundo do poço antes de conversão ao Evangelho

O zagueiro Alex Silva enfrentou o fundo do poço em sua carreira, mas após sua conversão ao Evangelho tenta,...

Primeiro CD da dupla Rayssa e Ravel já está no estoque da Graça Music e single foi lançado na Deezer com exclusividade

O CD Feliz demais, o primeiro da dupla Rayssa e Ravel pela Graça Music, chegou da fábrica nesta sexta-feira,...

Camila Campos lança no Youtube série de mensagens baseadas no livro que escreveu com o pai

  A cantora Camila Campos, em parceria com o pai, o pastor Divino Pereira, lançou no Youtube a série,...

“Deus fará”, o novo CD da Danielle Rizzutti pela Graça Music

Na Graça Music desde 2013, Danielle Rizzutti já lançou dois CDs: Minhas canções, que ultrapassou a marca de 80...

SBB alcança a marca de 150 milhões de Bíblias produzidas

  A produção, contabilizada desde a criação da Gráfica da Bíblia, em 1995, reafirma a posição do Brasil como...

Jesus Vida Verão 2017 com muitas estréias