IRÃ – Dois cristãos são libertados e outros recebem licença temporária da prisão

bandeira-IrãOs cristãos iraninos pedem nossa intercessão contínua pelos cristãos ainda aprisionados e se alegram com algumas respostas de oração

Em primeiro lugar, Sevada Aghasar foi libertado sob fiança no domingo (02 de março). Ele estava detido na prisão de Evin, em Teerã, desde 21 de agosto de 2013. Sevada é um cristão armênio. Sua casa foi revistada durante uma onda de ataques no Natal de 2012. Em agosto de 2013 ele foi preso juntamente com dois outros cristãos, Masoud e Ebrahim, ambos de origem muçulmana. Segundo relatos, Masoud também foi liberado.

Em segundo lugar, temos o prazer de informar que o pastor Behnam Irani tem recebido tratamento hospitalar. Ele está na prisão Ghezal Hasar em Karaj, desde maio de 2011 cumprindo pena de seis anos por alegada atividade anti-governo. Desde 2012, ele recebia apenas tratamento patialivo para um problema intestinal crescente. No dia 22 de fevereiro, recebeu autorização para se submeter à necessária cirurgia que foi bem-sucedida. Ele permaneceu no hospital por alguns dias para recuperação antes de voltar para a prisão.

Em fevereiro, Alireza Seyyedian, outro cristão detido na prisão de Evin, obteve licença temporária de cinco dias. Em novembro de 2011 ele foi condenado pelas acusações de “propaganda contra o regime” e de “agir contra a segurança nacional”. Após um recurso, sua sentença foi reajustada para três anos e meio de prisão. Ele começou a cumprir sua sentença em março de 2012.

Acredita-se que pelo menos 40 cristãos estejam detidos por sua fé ou atividades cristãs em todo o Irã.

Os cristãos que apoiam esses irmãos estão gratos por estes acontecimentos e agradecem nossas orações. Eles pedem nossa intercessão contínua, pedindo para que:

* Sevada, Masoud e outros recentemente libertados reconheçam a presença e a paz de Jesus enquanto se ajustam à vida normal;

* Pastor Behnam receba o toque da cura de Jesus, e continue recebendo os cuidados médicos adequados;

* Alireza, Ebrahim e todos os outros detidos por causa de sua fé em todo o Irã experimentem a paz, a presença e a proteção de Jesus a cada dia;

* Todos os funcionários envolvidos tenham misericórdia, ajam com justiça, aprendam sobre Jesus e escolham segui-lO.

________________________

FONTE: Middle East Concern

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *