“Aprender para cuidar” é tema de seminário sobre dependência química

Museu da Bíblia Em sua sexta edição, evento acontece no dia 29 de junho, no Centro de Eventos – Museu da Bíblia, em Barueri (SP). O tema deste ano é um alerta para dependentes e suas famílias.

No dia 29 de junho, acontece a sexta edição do Seminário sobre Dependência Química, realizado pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) em conjunto com a Comter (Comunidades Terapêuticas em Rede), com o apoio do Comad (Conselho Municipal de Políticas sobre Drogas). Realizado tradicionalmente no Centro de Eventos de Barueri – MuBi, o evento terá, este ano, como tema “Aprender para Cuidar”, visando mostrar ao dependente e seus familiares a importância de se compreender a dependência química.

“É importante que todos os envolvidos recebam informações sobre a doença e saibam como participar do processo de recuperação, pois ela se dá em conjunto. Neste aspecto, é fundamental que a Bíblia esteja no contexto da recuperação, porque ela oferece instrumentos para resgatar o ser humano e leva uma mensagem de esperança tanto às famílias, quanto ao dependente em luta para se recuperar”, observa o secretário de Comunicação e Ação Social da SBB, Erní Seibert, responsável pela palestra “A mensagem bíblica no processo de tratamento e manutenção da recuperação”.

O programa inclui ainda a palestra “A participação do álcool no processo da dependência química”, a cargo de Natália Gomes Ragghianti, psicóloga com especialização em Dependência Química. Estão previstas também apresentações das Comunidades Terapêuticas em Rede (COMTER), do Coral Shekiná e depoimentos.

Confira a programação completa:

  • §        8h00 – Café da manhã e credenciamento
    • §        8h30 – Abertura
    • §        9h20 – Palestra “A mensagem bíblica no processo de tratamento e manutenção da recuperação”, por Erní Seibert, secretário de Comunicação e Ação Social da SBB
    • §        10h20 – Apresentação do Coral Shekiná
    • §        10h35 – Apresentação das Comunidades Terapêuticas em Rede (COMTER)
    • §        11h20 – Depoimento
    • §        12h00 – Palestra: “A participação do Álcool no processo da dependência química”, Natália Gomes Ragghianti, psicóloga com especialização em Dependência Química
    • §        13h00 – Encerramento

6º Seminário sobre Dependência Química – “Aprender para cuidar”

Data: 29 de junho de 2013 (sábado)

Horário: das 8h00 às 13h00

Local: Centro de Eventos de Barueri – MuBi

Avenida Pastor Sebastião Davino dos Reis, 672 – Vila Porto

Barueri – SP

Vagas limitadas

Inscrições: no site www.sbb.org.br/seminario_dep_quimica, ou pelos telefones 0800 727 8888, (11) 3474-5733 ou (11) 3474-5842.

O Conselho Municipal de Políticas sobre DrogasComad é um órgão vinculado à Secretaria de Saúde de Barueri, que coordena as ações de prevenção ao uso indevido de álcool e outras drogas no município. Reporta-se aos Conselhos Estadual e Nacional Antidrogas, diretamente ligados ao Gabinete de Segurança Institucional do Governo Federal. O COMAD coordena, desenvolve e estimula atividades de prevenção, tratamento e reinserção social procurando integrar todos os segmentos sociais, assegurando a maior participação possível dos movimentos comunitários. 

As Comunidades Terapêuticas em Rede (COMTER) foram criadas pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB), em parceria com comunidades terapêuticas que têm na Palavra de Deus a direção de seus trabalhos. Tem como objetivo ser referência multidisciplinar de reflexão, formação de ideias, discussões de cooperação e desenvolvimento das comunidades terapêuticas. Além disso, busca contribuir na qualidade do desenvolvimento das atividades de comunidades terapêuticas e organizações sociais que trabalham no processo de prevenção e tratamento da dependência química, bem como promover informações, troca de experiência e facilitar o estudo da Bíblia entre o público envolvido nessa questão.

A SBB e o programa A Bíblia na Recuperação da Dependência Química: Fundada em 1948, no Rio de Janeiro, a Sociedade Bíblica do Brasil tem como missão “promover a difusão da Bíblia e sua mensagem como instrumento de transformação e desenvolvimento integral do ser humano”. É uma entidade sem fins lucrativos, de natureza religiosa, social e cultural. Sua finalidade é traduzir, produzir e distribuir a Bíblia, um bem de valor inestimável, que deve ser disponibilizado a todas as pessoas. Por seu caráter social, desenvolve programas com o objetivo de promover o desenvolvimento espiritual, ético e social da população brasileira, entre eles o Fortalecer.

O programa A Bíblia na Recuperação na Dependência Química tem o objetivo de contribuir para a recuperação dos dependentes químicos e prevenir o uso de drogas. É desenvolvido em parceria com organizações especializadas no tratamento terapêutico desse público. Em parceria com essas organizações, a SBB criou a Comter (Comunidades Terapêuticas em Rede), a fim de estimular a troca de experiências e a utilização da Bíblia no processo de recuperação.

Por meio deste programa, a SBB promove, desde 2008, os seminários, cujo grande diferencial é divulgar o papel da Bíblia neste processo e incentivar a participação de dependentes químicos em recuperação, sejam eles internados em comunidades terapêuticas ou em tratamento ambulatorial.

Por: Luciana Garbelini

Fonte: Jornal Gospel News

Banda gospel se apresenta na Fundação Casa de Guarujá

Ministério de Louvor Aclame se apresentou pela terceira vez na Fundação CASA Grupo faz trabalho social e religioso com os adolescentes internados em centros socioeducativos.

 banda AclameNo último domingo, 24 de março, às 15h, foi realizado no centro socioeducativo Guarujá, pertencente à Divisão Regional Litoral (DRL), a apresentação do MDLA (Ministério de Louvor Aclame). A banda se apresentou no período da tarde para os jovens e levou mensagens de esperança por meio das músicas, para levar as boas novas do Evangelho de Cristo através da mensagem cantada e pregada, proporcionado um momento de reflexão onde valores são confrontados e repensados, para construir uma sociedade mais justa e rica em amor ao próximo.

O evento reuniu grupo de jovens evangélicos compromissados com os valores cristãos, que visam construir e fazer parte de uma sociedade onde os direitos humanos sejam respeitados. “Acreditamos também, na regeneração do ser humano”, afirma Hércules Lacerda, líder de louvor do Ministério Aclame, que também é professor de Língua Portuguesa no centro socioeducativo.

O grupo traz uma programação diferenciada com ministração de louvores, mensagens de fé, força e alegria. O grupo vai levar uma mensagem de esperança com o tema Fé, Confiança e Mudança.

No final do evento, o grupo gospel realizou um sorteio de brindes para os adolescentes. Entre os objetos, havia bonés, bíblias, CDs e chaveiros.

Mais sobre o Ministério de Louvor Aclame e a Fundação Casa

A banda gospel, Ministério de Louvor Aclame, faz um trabalho social e religioso no centro socioeducativo que a Fundação Casa mantém nos Complexos da cidade de São Paulo. É um grupo de Jovens evangélicos compromissados com os valores Cristãos, que visa construir e fazer parte de uma sociedade onde os direitos humanos sejam respeitados e acredita, também, na regeneração do ser humano, mesmo que para isso há uma série de fatores a ser levado em conta, e que a dignidade humana, acima de tudo, deve ser garantida, pois devemos sempre nos lembrar de quem somos.

Esses são os valores bases do Evangelho de Cristo que resume tudo apenas em amar (www.mdlaclame.com.br) Dentro da Fundação Casa, o grupo realiza projeto com adolescentes em conflito com a lei.

Segundo análise do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), a Fundação possui o atendimento socioeducativo mais adequado em todo o Brasil.

Executar, direta ou indiretamente, as medidas socioeducativas com eficiência, eficácia e efetividade, garantindo os direitos previstos em lei e contribuindo para o retorno do adolescente ao convívio social como protagonista de sua história. (www.fundacaocasa.gov.br).

 Débora da Mata

Assessoria de Imprensa

SUPRIR Comunicação Interativa

Fonte: Jornal Gospel News

SBB promove encontros de Comunidades Terapêuticas

SBB Realiza Seminário Sobre Dependência Química em RecifeCom o objetivo de capacitar lideranças e disseminar informações entre instituições interessadas em integrar a rede COMTER, o evento ganha três edições em 2013. A primeira delas acontece no dia 01/04, em São Paulo.

No dia 1 de abril será realizado o Encontro de Comunidades Terapêuticas, promovido pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB). Visando capacitar lideranças e conhecer as práticas desenvolvidas por estas instituições, a programação terá como destaques a apresentação do programa A Bíblia na Recuperação da Dependência Química, da SBB, e a palestra “Orientação para Instalação e Funcionamento das Comunidades Terapêuticas no Estado de São Paulo”, a cargo da especialista em dependência química, Laura Fracasso. O evento acontece das 8h30 às 15h00, na Secretaria Regional da SBB (Av. Tiradentes, 1.441 – Ponte Pequena), em São Paulo. A capital paulista terá, ainda neste ano, mais duas edições do evento, a serem realizadas nos dias 26 de agosto e 28 de outubro.

Os participantes também terão a oportunidade de se filiar à COMTER – Comunidades Terapêuticas em Rede, criada a partir da união de entidades voltadas à recuperação de dependentes químicos, que têm na Palavra de Deus a orientação para seus trabalhos. “É importante voltarmos nossa atenção aos líderes, monitores e técnicos destas comunidades. Para isto, são promovidos encontros específicos e capacitações constantes, que visam o aprimoramento de suas instituições”, afirma o secretário de Comunicação e Ação Social da SBB, Erní Seibert.

Sobre a palestrante

Laura Fracasso: Formada em Psicologia, é especialista em Dependência Química e presta assessoria sobre assuntos relacionados à dependência química e comunidades terapêuticas para a Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas, assim como para outras instituições de renome.

A SBB – Fundada em 1948, no Rio de Janeiro, a Sociedade Bíblica do Brasil tem como missão “promover a difusão da Bíblia e sua mensagem como instrumento de transformação e desenvolvimento integral do ser humano”. É uma entidade sem fins lucrativos, de natureza religiosa, social e cultural. Sua finalidade é traduzir, produzir e distribuir a Bíblia, um bem de valor inestimável, que deve ser disponibilizado a todas as pessoas. Por seu caráter social, desenvolve programas com o objetivo de promover o desenvolvimento espiritual, ético e social da população brasileira.

O programa A Bíblia na Recuperação da Dependência Química tem o objetivo de contribuir para a recuperação dos dependentes químicos e prevenir o uso de drogas. É desenvolvido em parceria com organizações especializadas no tratamento terapêutico desse público. Em parceria com essas organizações, a SBB criou a Comter (Comunidades Terapêuticas em Rede), a fim de estimular a troca de experiências e a utilização da Bíblia no processo de recuperação.

Encontro de Comunidades Terapêuticas

Data: 1 de abril de 2013

Horário: Das 8h30 às 15h00

Endereço: Av. Tiradentes, 1.441 – Ponte Pequena – São Paulo – SP.

Confirmação de presença: 0800-727-8888 e (11) 3248-8981 / 3245-8985

 Fonte: Jornal Gospel News

CERNE: ONG oferece tratamento a dependentes químicos e orientação para recuperação social e familiar

O Centro Educacional de Restauração Nova Esperança (CERNE) é uma organização não-governamental com parcerias estabelecidas com o poder público e igrejas evangélicas na busca pela reabilitação de dependentes químicos.
O foco da instituição é a oferta de tratamento a homens adultos em situação de dependência química, buscando a reintegração social e familiar destes indivíduos, além das campanhas de prevenção ao uso de entorpecentes.
Os projetos do CERNE atendem pessoas de baixa renda, que não possuem condições de custear tratamentos como os oferecidos pela ONG.
Conversamos com o pastor Ivanei Santos, responsável pelo CERNE, para saber mais sobre o trabalho desenvolvido e conhecer as necessidades e formas de contribuição com o trabalho. Confira abaixo:
Quais as áreas de atuação e público alvo do projeto?
A Instituição visa atender homens adultos, com intuito de oferecer tratamento a dependentes químicos, promover a reintegração sócio-familiar e atuar na prevenção primária.
Qual o tempo de atuação do projeto? Poderia contar um pouco da história, como surgiu, quem idealizou?
O Centro Educacional de Restauração Nova Esperança, também designado pela sigla CERNE, foi criado em 02 de Julho de 2009; é uma instituição não governamental, pessoa jurídica, de direito privado, de caráter assistencial, sem fins econômicos. Vendo o grande aumento da criminalidade em nossa região devido ao tráfico e uso de drogas, pedimos então para Deus como poderíamos fazer para mudar ou ao menos minimizar essa situação, então nasceu do coração da igreja criar essa entidade para trabalhar na recuperação e prevenção das drogas.
Quais os parceiros que o projeto possui?
Prefeitura de Colorado, PR, Mesa Brasil e as ofertas da Igreja Batista Ebenézer.
Poderia contar um ou mais testemunhos de pessoas que foram beneficiadas pelo projeto?
Poderíamos contar inúmeros testemunhos, pois desde homossexuais drogados que hoje tem trabalhado como missionário, até pais de famílias que estava a ponto de perder toda a familia, e hoje tem experimentado o melhor de Deus junto com os familiares.
Poderia informar os seguintes? Contatos de email, telefone, site e endereço.
Os contatos são através do e-mail ivaneidyk@hotmail.com, do telefone (44) 9841-0979 ou do site cerneebenezer.com.br. O endereço é Rodovia PR 463 – Sítio São Sebastião, KM 5.
Quais as formas de contribuição e necessidades do projeto?
Buscamos parceria com projetos e institutos e igrejas que possam nos ajudar nessa árdua missão, pois a grande maioria desses dependentes não possui condições financeiras para custear um tratamento eficaz. Temos que reformar e ampliar parte da entidade e necessitamos urgente de apoio financeiro.Oramos para que pessoas com essa visão missionária possa nos enviar seu apoio. Será que a AVEC poderia fazer uma parceria conosco?
Gostaria de deixar uma mensagem para os leitores?
“Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes. Deus escolheu as coisas vis deste mundo, e as desprezíveis, e as que não são, para aniquilar as que são;” (I Coríntios 1:27-28) Estamos vivendo dias muito difíceis, em que a família tem se desfeito e onde o respeito a esta instituição divina tem sido ridicularizada. Gerando assim inúmeros conflitos e situações não pouco desastrosas. O dependente químico é fruto desta quebra de “aliança”, de uma sociedade que não vê a família como algo a ser respeitado e valorizado. Consequentemente temos pessoas cada vez mais descontroladas emocionalmente e sem perspectivas reais de vida. Desta forma, o CERNE (Centro Educacional de Restauração Nova Esperança), tem uma grande responsabilidade, não somente de oferecer tratamento ao dependente químico, mas de reintegrá-lo à vida social e familiar como uma pessoa estruturada. Alcançando assim, o nosso objetivo, que é mostrar a sociedade que Jesus Cristo é o único capaz de mudar a história e o curso da vida do ser humano. Transformando um dependente químico numa pessoa respeitada e confiável, restaurando a autoestima, o respeito próprio, e fazendo dele uma pessoa de valor, capaz de reconstruir sua família.
O nosso conselho para aqueles que se encontram nesta situação é que ainda existe tempo para recomeçar. A Bíblia diz em Eclesiastes capítulo 3 que há tempo para todas as coisas, e enquanto houver fôlego de vida há esperança. Para as famílias que estão enfrentando este problema dentro do seu lar, o nosso conselho é que haja união e um esforço mútuo para ajudar um ao outro. O que hoje parece um pesadelo, amanhã pode ser um sonho real. O que hoje é símbolo de vergonha, amanhã pode ser motivo de honra.
Por Tiago Chagas

Fonte: Gospel+ / Jornal Gospel News

Congresso ONG Brasil 2012 reunirá mais de 500 entidades de ação social e especialistas no setor

O Congresso ONG Brasil 2012 é um evento que será realizado entre os dias 6 e 8/12 e reunirá mais de 500 organizações não governamentais de todo o Brasil, que desenvolvem ações sociais ligadas às mais diversas áreas de atuação.
Na oportunidade será comemorado também, os 50 anos do Centro de Valorização da Vida, que presta serviços sociais através de voluntários que se dispõe todas as semanas, por quatro horas, a atender por telefone, pessoas com tendências suicidas e através do diálogo, evitar tragédias.
Essa será a quarta edição do evento, e este ano será realizado no Expo Center Norte. Na programação dos três dias está prevista a realização de 196 palestras, sobre temas como sustentabilidade, desenvolvimento social, relação das ONGs com a sociedade, empresas e governo, e a participação da sociedade na construção de um Brasil melhor.
Além das palestras, que foram divididas nos macrotemas descritos acima, o evento contará com especialistas do Terceiro Setor (forma como a organização social de voluntários é chamada).
O Expo CenterNorte fica na Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme – São Paulo. Para mais informações, acesse ongbrasil.com.br.
Por Tiago Chagas

Fonte: Gospel+ / Jornal Gospel News

Pesquisa revela remédios mais consumidos pelos brasileiros

O que tem na sua caixinha de remédios? Descongestionantes, vitaminas, analgésicos à base de dipirona, pílula anticoncepcional, antigripais e calmantes, ao menos de acordo com pesquisas de mercado feitas pela consultoria IMS Health e pela Associação Brasileira de Medicamentos Isentos de Prescrição, que mostram os medicamentos mais vendidos nas farmácias do país.
A pedido da reportagem, especialistas comentam os riscos e os benefícios de algumas das categorias de drogas entre as mais procuradas pelos brasileiros.
ANALGÉSICO
Medicamentos à base de dipirona sódica, como o Dorflex, estão entre os mais populares no país.
O mecanismo de ação da dipirona, introduzida no mercado em 1922, ainda não é conhecido, mas estudos mostram que a droga faz seu trabalho de forma similar a outros analgésicos, inibindo a formação de substâncias envolvidas na inflamação e na sensação de dor.
Segundo o médico Anthony Wong, diretor do Ceatox (Centro de Assistência Toxicológica do HC de São Paulo), a dipirona baixa a febre com mais rapidez do que o paracetamol (Tylenol). Wong destaca que o paracetamol pode causar danos ao fígado e que a aspirina aumenta o risco de sangramentos e problemas no sistema digestivo.
“A aspirina, no entanto, é importante para quem tem problemas como trombose, infarto e artrite reumatoide, e estudos mostram que o uso preventivo pode evitar o surgimento de alguns tumores.”
Nos EUA, a dipirona foi retirada do mercado, na década de 1970, após estudos ligarem o uso do remédio à agranulocitose (redução da produção de células do sangue pela medula). Anos depois, esses estudos foram questionados. Outro efeito colateral da dipirona e de outros analgésicos é a síndrome de Stevens-Johnson, caracterizada por erupções nas mucosas.
CALMANTE
O Rivotril ou clonazepam foi o sexto medicamento mais vendido no país entre 2011 e 2012, isso apesar de exigir receita controlada.
A substância é da classe dos benzodiazepínicos, drogas que agem no cérebro, aumentando a ação de um neurotransmissor que inibe a atividade e a conectividade dos neurônios. Isso causa o efeito sedativo. No entanto, ainda há pontos nebulosos no mecanismo de ação da droga, vendida desde os anos 60.
As indicações principais do Rivotril são para tratar convulsões, transtorno de ansiedade e depressão, mas ele tem se tornado cada vez mais uma “droga social”, segundo o médico Anthony Wong, diretor do Ceatox do HC.
Para ele, a presença do medicamento entre os dez mais vendidos do país é “inadmissível”. “Ele tem grande potencial de criar dependência.”
VITAMINAS
No ranking de remédios isentos de prescrição que mais geram volume de venda, aparecem dois multivitamínicos: o Gerovital, que contém ginseng, vitaminas A, C, D, E e as do complexo B, além de minerais como ferro, e o Targifor C.
O uso de vitaminas como complemento nutricional é controverso. Segundo o nutrólogo Celso Cukier, só pessoas com deficiências precisam de uma dose extra. “A maioria das dietas já atinge as necessidades diárias.”
Entre os que podem precisar de suplementação estão os idosos. “Nesses casos, trabalhamos com vitaminas específicas em doses maiores.”
A ingestão exagerada pode causar efeitos colaterais. O excesso de vitamina A, por exemplo, pode causar danos ao fígado. Mas, segundo Cukier, problemas graves só vão acontecer se a pessoa usar altas doses por um período prolongado.
Segundo o médico, muitos dos efeitos esperados pelo consumidor de vitaminas não são comprovados. “Não há evidência de que vitamina C previna doenças, a não ser em caso de atletas de alta performance.”
Cukier afirma que o cansaço é um sintoma importante que leva à procura das pílulas. “O cansaço pode ser sintoma de uma cardiopatia, uma doença inflamatória. Tomar o polivitamínico pode retardar um diagnóstico.”
ANTIGRIPAL
O Neosoro, solução nasal contendo cloreto de sódio, cloreto de benzalcônio e cloridrato de nafazolina, foi o remédio mais vendido nas farmácias no último ano. Os “fãs” das gotinhas se reúnem em grupos no Facebook (“Neosoro” e “Clube dos viciados em Neosoro”), onde lamentam a rapidez com que dão cabo de um frasco.
Segundo o clínico Paulo Olzon, da Unifesp, o máximo que essa solução pode fazer é aumentar o conforto respiratório quando o ar está seco.
Além do sal, a fórmula tem um vasoconstritor e um antisséptico. Anthony Wong, do Ceatox, diz que o abuso da solução pode levar à hipertrofia da mucosa. “O nariz fica obstruído pela reação inflamatória, e não há remédio que vá desentupir.” Para Wong, é melhor usar soluções só com cloreto de sódio, para evitar efeitos colaterais.

Fonte: Folha de São Paulo / Jornal Gospel News

Ex-traficante que virou pastor estreia em seriado na Globo

Dione dos Santos, ex-traficante que hoje é pastor, estará no elenco do seriado “Suburbia”, dirigido por Luiz Fernando Carvalho. Será mostrado na TV seu trabalho de reabilitação com traficantes. As cenas de sua pregação na igreja evangélica da história contam com a participação de seus fiéis na vida real.

Fonte: Jornal Extra / Jornal Gospel News

DEPENDÊNCIA QUÍMICA – SBB realiza primeiro seminário no RJ para dependentes e familiares

A Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) promove o I Seminário sobre Dependência Química no Rio de Janeiro (RJ), com o tema “A recuperação se dá de mãos dadas”. O encontro ocorrerá em 27 de outubro, às 8 horas, no Salão Mário Lorenzo Fernandes, no Centro do Rio, e conta com o apoio da Universidade Presbiteriana Mackenzie e das Comunidades Terapêuticas em Rede (COMTER).
Aberto a dependentes químicos em tratamento e seus familiares, dirigentes de comunidades terapêuticas, organizações que trabalham na prevenção e tratamento, bem como aos profissionais da área e interessados no assunto, o evento tem como objetivo promover um debate sobre a dependência química e o papel da Bíblia no processo de recuperação e reintegração social.
Na programação, estão previstas a apresentação musical do Grupo Missão a 100º, além do vídeo sobre a Bíblia de Estudo Despertar e das palestras “A Bíblia na recuperação da dependência química”, ministrada por Sérgio Furtado, secretário regional da SBB no Rio de Janeiro; e “Os reflexos das drogas na família e no dependente”, que será proferida por Daniel Camaforte, pastor e psicólogo clínico, pós-graduado em Tratamento e Prevenção às Drogas pela PUC-RIO.
Vagas limitadas. Faça sua inscrição no site: www.sbb.org.br/seminario_dep_quimica ou pelos telefones: 21 3203-1961/ 21 3203-1962 ou 0800-727-8888.
Serviço
I Seminário sobre Dependência Química no Rio de Janeiro
Data: 27 de outubro de 2012 (sábado)
Horário: das 8 às 13 horas
Local: Salão Nobre Mário Lorenzo Fernandez
Endereço: Rua Buenos Aires, 283 – Centro – Rio de Janeiro (RJ)
Informações e inscrição: www.sbb.org.br/seminario_dep_quimica ou pelos telefones: 21 3203-1961/ 21 3203-1962 ou 0800-727-8888

Fonte: CPADnews / Jornal Gospel News

AVEC apoia projeto que tira pessoas do tráfico de drogas através do esporte

A Associação Vitória em Cristo está apoiando o projeto “Lutando pela Vida” do tricampeão brasileiro de muay thai, Fábio Leão, com o objetivo de resgatar pessoas da ociosidade e tráfico de drogas, através do esporte.
O projeto, que se localiza na Vila Kennedy, em Bangu, zona oeste da cidade do Rio de Janeiro, é um dos que a igreja do Pastor Silas Malafaia apoia com seu lema e movimento de “restaurar vidas”, atuando em crianças, jovens e adultos.
“Para a Associação Vitória em Cristo, não há nada mais recompensador que ver vidas sendo restauradas, e pessoas declarando que a fonte dessa transformação é o amor de Cristo agindo por meio de homens e mulheres dispostos a serem canais de bênção onde quer que estejam”, afirmou a Associação no seu site.
Conforme publicado no Christian Post, o idealizador do projeto, Fábio Leão, é um ex-detento do presídio Muniz Sodré, em Bangu e já foi gerente de uma facção criminosa no Rio de Janeiro. Fábio era um apaioxado pelo muay thai e quando preso, o diretor do presídio, Gilson Nogueira, lhe propôs dar aulas de boxe para outros detentos, fazendo oração antes e após as aulas, em troca da redução de sua pena.
Fábio aceitou e através disso ele aceitou também a Cristo, largando as drogas e se tornando-se hoje tricampeão brasileiro de muay thai, palestrante motivacional e responsável por um projeto que beneficia 270 pessoas.
“É a minha forma de dar continuidade à oportunidade que eu tive. E não basta levar a luta aos presídios, para ressocializar os presos e dar esperanças para depois que saírem de lá. É importante prevenir, treinando crianças nas comunidades e que muitas vezes são filhos de presidiários. É uma forma de evitar que eles acabem lá dentro também”, afirmou em declaração anterior, segundo a Globo.
Apesar do belo sonho, o projeto passou por muitas dificuldades iniciais, sem ter muitas condições para realizar as aulas. Neste momento, a ajuda da AVEC foi crucial, que custeou o aluguel para o projeto por cinco anos.
“A gente treinava debaixo do sol, sem proteção para as crianças. Era uma situação bem precária. Quando uma das crianças passou mal e desmaiou por causa do calor, paramos”, relata Fábio.
“Sem a AVEC não daria para continuar. Agradeço muito pelo apoio, que é um incentivo para continuarmos lutando”.

Fonte: Guiame / Jornal Gospel News

Dependente de Tranquilizantes? Um estudo publicado no British Medical Journal aponta que tais remédios estão associados ao aumento de casos de demência

Um alerta que vem da Inglaterra pode ser transferido para outros países: o consumo indiscrimado de tranquilizantes. Remédios que deveriam ser tomados por curtos períodos estão sendo ministrados continuamente, causando dependência. Estima-se que na Inglaterra mais de 1,5 milhão de pessoas estão fazendo uso errado de substâncias, como diazepam, benzodiazepinas, entre outros.
Um estudo publicado no British Medical Journalaponta que tais remédios estão associados ao aumento de casos de demência e outras pesquisas já associaram o abuso de tranquilizantes a mortes prematuras. “Não há dúvidas que benzodiazepinas podem causar dependência, mas se usadas direito e por curtos períodos, podem tratar casos de ansiedade”, diz o médico Owen Bowden-Jones, da Royal College of Psychiatry, ao jornal Daily Mail. No entanto, pesquisas estimam que 8% de pessoas com mais de 65 anos estejam consumindo os remédios de acordo com a própria vontade.
As principais consequências são estado de permanente confusão, lapsos de memória e cansaço extremo. E quando param com a medicação, sofrem sintomas de abstinência, como dores abdominais, enjoos e perda de apetite.

Fonte: Terra / Jornal Gospel News