Lettersvitae entrevista o Escritor Italiano Dominick Pepino

photo authorName: Dominick Pepino
Idade: 30
Reside: Spring Hill, Fl, USA
Seus livros tem causado um grande impacto espiritual em seu país, seu último livro “Return to Christ” fala sobre o dom do inestimável conhecimento da salvação. Além de escritor, também faz trabalhos missionários mostrando seu amor ao próximo. Seu outro trabalho é escrever cartas bíblicas, a intenção é mostrar um novo caminho para a vida de muitos.

Esse mês LettersVitae entrevista esse cidadão do céu que muito tem feito para ajudar.

LV: Fico muito honrado por entrevista-lo Dominick, nos conte como foi o começo de sua experiência como escritor e o impacto que esse trabalho tem trazido a muitos.
Comecei a escrever quando tinha apenas 15 anos de idade, eu tive uma confirmação espiritual, mas realmente queria um relacionamento pessoal com raízes mais profunda com Jesus Cristo e todos os livros que li, era um pouco complicado para mim. Então, comecei a orar muito e a escrever um diário, a fim de colocar impresso as orações que tinha feito pela primeira vez. Quando me dei conta, já tinha cerca de 50 páginas, mas faltava algo, parecia que alguma coisa estava me puxando para adicionar mais outra coisa. O tempo passou e já tinham 345 páginas, então ficou pronto o livro “Retorno para Cristo”, inicialmente eu não tinha intenção de publicá-lo, mas eu senti que iria ajudar todos aqueles que, como eu, quando eu era jovem iria trazer todas as pessoas para mais perto de Jesus Cristo.
Quanto ao impacto do “Returno para Cristo”, eu vi o efeito em muitas pessoas sendo ajudadas emocionalmente, espiritualmente e mentalmente de forma extraordinária. Eu nunca pensei que iria “decolar” e como poderia tocar tantas vidas, quando era apenas uma criança, achei que seria apenas um livro de orações, mas transformou a vida e o caminho de muitos.

 

LV: Seu último livro intitulado Return to Christ (Retornar para Cristo) tem sido de grande ajuda, nos conte algum relato de ajuda que teve a algum leitor.
Houve muitas histórias, muitos relatos dos que leram “Retorno para Cristo”. Uma história que foi realmente comovente foi quando uma mulher estava lendo meu segundo livro “Escrituras da alma” ela começou a chorar, então eu perguntei se ela estava bem e ela respondeu: “Sim, só fiquei muita comovida”, foi uma grande gratidão em ver isso.
LV: Dominick, temos vistos muitos títulos de livros sendo lançados nos últimos anos, novos programas na televisão sobre a palavra do Senhor, assim como na internet e revistas. Mesmo assim vemos um arrefecimento e mudança no comportamento do ser humano, em sua concepção, o porquê tem acontecido isso ao redor do mundo?
Isso aconteceu porque as verdadeiras palavras de nosso Senhor Jesus Cristo estão ficando perdidas, o verdadeiro significado de suas palavras e interpretações foi perdido. Em vez de manter nossa mente, coração e alma fixada no seu reino, os olhos do homem estão voltados sobre o poderoso dinheiro e os falsos prazeres deste mundo temporal. Eles retratam que eles realmente amam a nosso Senhor, mas o verdadeiro fiel pode dizer entre a real sinceridade da palavra falada ou a intenção falsa daqueles que não estão chegando até as almas, mas para o poderoso dinheiro e, por isso, os verdadeiros fiéis, seus corações foram se esfriando porque a sinceridade e a verdade foram retiradas das palavras gloriosas dos ensinamentos de Nosso Senhor Jesus Cristo.
LV: Como você vê os cristãos daqui a 10 anos em relação à espiritualidade e intimidade com Deus?
À vontade e o amor de Nosso Senhor nunca irá diminuir e seu desejo de iluminar as almas dos verdadeiros fiéis e os jovens a Sua Palavra eterna é uma missão de amor e de salvação que vai além da compreensão humana. Os homens podem ter desistido de Nosso Senhor, mas Jesus nunca vai desistir deles. Em 10 anos, com muitos livros, com a orientação e ajuda, espero ver uma reviravolta total e completa dentro do mundo e espero ver milhões de recém-fiéis indo às igrejas e esperamos ver milhões de verdadeiros fiéis se voltando verdadeiramente a Cristo.
LV: O partido democrata-cristão de centro foi extinto na Itália, você acha que ao longo dos anos essa peculiaridade pode minar o cristianismo de alguma forma? como a entrada de novas leis?
O equilíbrio do poder para determinar o caminho que você irá chegar a Jesus Cristo não descansa dentro de uma nação, dentro de qualquer sistema de governo, nas mãos de qualquer presidente, à mercê de qualquer corporação ou partido político, o equilíbrio de poder para que possa realmente retornar para Cristo habita em você, lembre-se nações criadas pelo homem um dia irão cair, mas a nação criada por Nosso Senhor Jesus Cristo será sempre eterna e nenhum homem da face da terra nunca será capaz de aboli-la.

 

LV: Dominick, nos conte como foi o começo da sua carreira na caminhada como Cristão.
Eu tive muitas experiências religiosas profundas desde criança e tenho vontade de compartilhá-los com o mundo inteiro, tenho tido essas experiências e as traduzi na única maneira que eu poderia passar para todas as pessoas, por escrito. Através desses livros, quero compartilhar com vocês minhas experiências de vida, para que os mesmos milagres de fé que moldaram profundamente a minha vida possam ser compartilhados com você e espero que possa moldar a muitos.

 

LV: Vejo que você é um grande soldado do exército de Cristo. Qual recado você deixa a todos que estão lendo essa entrevista e precisam de uma palavra de ajuda, ânimo e força?
Dentro dos limites de tempo uma coisa permanece constante, a necessidade espiritual para a humanidade a refletir sobre a sua existência e origem. Nas páginas da bíblia você irá encontrar um presente divino, a luz do entendimento.
 
As advertências de Cristo têm sido para o ânimo e para a salvação da alma. O roteiro em ler no livro vivo que é a bíblia, você encontrará a salvação. O mundo que esta sendo guiada através dos homens, esta trazendo cegueira da alma e está levando este mundo para as trevas. Como pode esta geração de escuridão possivelmente compreender o mundo de luz e a salvação?
 
A fim de compreender a criação divina é preciso aceitar a existência do criador divino, o único e verdadeiro Deus.
 
Ao longo de todos os tempos, o Espírito da Verdade tem observado aqueles que querem buscar a compreensão. Homens olharam para o céu, ele perscruta as profundezas dentro do mar e as mais profundas fendas na terra, mas ele só vai encontrar a resposta em Jesus. No entanto, o homem caminha em cegueira em não sabe as respostas lixívia dentro de si, mas procura respostas dentro das profundezas do espaço e dos cosmos.
 
Não monopolize seu tempo em assuntos secundários, porque outros podem cair em desgraça devido a sua ausência, sempre faça a sua presença conhecida. Lembre-se também que é saudável e aconselhável colocar algum tempo privado para si mesmo para a meditação de Nosso Senhor Jesus Cristo e nosso Pai Celestial.
 
Bem-aventurado é essa pessoa, quando o Espírito Santo encher seu coração e alma com o fogo do amor de Deus, levar uma vida santa e não deixe que as pressões deste mundo possam levá-lo para fora do caminho certo.
 
Porque tanto a humanidade teme a morte? O que é a vida sem a morte, um mero caminho para Deus, para controlar a população de superfície ou um retorno à essência da própria vida?
Pois, temer a morte é realmente não entender a vida como um todo. Para uma pessoa ter medo da morte não é tanto a morte em si própria, mas temem deixar este mundo de vaidade. Quando uma pessoa teme a morte, teme deixar para trás seus desejos, então vemos que a pessoa gosta deste mundo, é simplesmente um sentimento que vem que está dizendo que uma pessoa não está realmente pronta para o próximo mundo, mas esses desejos carnais, podem mantê-los condenável aos olhos de Deus e nosso Senhor Jesus Cristo. Com o tempo que nos é dado, cabe a nós levar uma vida saudável e plena liberdade religiosa do pecado e as pressões deste mundo.
 
Faça coisas boas e ame o próximo neste mundo e Deus e nosso Senhor Jesus Cristo vos dará a vida eterna. A dor e as tribulações deste mundo, você deve superar os mistérios da vida e da morte então sua fé virá, o amor e o poder de Deus.

Aqueles que querem entrar em contato com Dominick Pepino para conhecer melhor seu trabalho e seus livros, abaixo segue o contato:

http://www.dominickpepito.com/index.html
Dominick.Pepito@ymail.com
Address: Dominick Pepito
P.O Box 3
Aripeka, FL 34679
 

photo book

Seu primeiro livro “Retorno para Cristo”

Pastor Antônio Cirilo prepara novo álbum

IMG_6333Em entrevista exclusiva, o líder do Santa Geração fala da produção do 26º álbum da carreira – Canção da Eternidade

O pastor Antônio Cirilo, líder do Ministério Santa Geração, está na fase inicial de produção do seu mais novo álbum que terá como título “Canção da Eternidade”. O processo de gravação está sendo realizado no Estúdio Ultra, em Belo Horizonte (MG). Neste novo projeto o pastor assina a produção: “Volto à ativa coordenando talentos”, brinca.

Ao longo de mais de dez anos, o pastor, cantor e compositor Antônio Cirilo tem construído sua história na música evangélica nacional com canções que falam do amor de Cristo, levando o público a uma profunda comunhão com Deus, por meio da adoração e do ensino da Palavra de Deus falada e cantada.

E não será diferente com este novo álbum que contará, como sempre, com a participação especial de alguns ministros de louvor. Confira mais novidades deste próximo trabalho que terá o selo da gravadora Graça Music.

Santa Geração: O que o público pode esperar do álbum “Canção da Eternidade”?
Pastor Antônio Cirilo:
Trata-se de um álbum com 15 canções. Um álbum é como um livro no qual cada canção é um capítulo. Embora cada música seja trabalhada individualmente, o resultado global estará muito bem definido. A ideia é contar uma história linda a respeito do Senhor Jesus, do Espírito Santo e da obra que Ele realizou para nos abençoar com salvação e outros benefícios. O álbum é equilibrado de uma forma que quando a pessoa terminar de ouvir tudo ela dará um suspiro, ela vai se achegar mais a Deus, como diz o Salmo 42: “Como suspira a corça pelas correntes de água, assim a minha alma suspira por Ti, ó Deus.” Para isso, planejo resgatar neste disco a essência do chamado de Deus em minha vida. Há 12 anos, Deus usou uma mulher como profetiza e me deu a seguinte palavra: “Deus está me revelando que Ele te escolheu e te usará para gravar CDs. Ele te dará canções que mudarão o coração, a mente e o comportamento da Igreja no Brasil e no mundo.” Duas semanas depois dessa palavra eu sonhei com a primeira canção e desde então tenho gravado aquilo que o Senhor tem me dado. Nesses 12 anos de caminhada fiz muitos amigos preciosos; alguns deles estarão participando comigo neste novo projeto que será gravado em estúdio, mas com a participação da igreja também. Peço a oração da Igreja para que este projeto possa sair segundo o coração e a direção de Deus.

Santa Geração: O que tem pensado em relação a este novo álbum?
Pastor Antônio Cirilo: Ele será mais um utensílio na Igreja de Deus para ser usado na adoração ao Senhor. Uma ferramenta para nos ajudar a andar mais pertinho de Deus!

Santa Geração: Terá participações de outros cantores?
Pastor Antônio Cirilo: Sim, teremos algumas participações das quais duas já estão confirmadas, mas isso só será divulgado na medida em que o projeto for caminhando.

Santa Geração: Quem será o produtor?
Pastor Antônio Cirilo: Na verdade, o álbum “Deus é Glorioso” (lançado em novembro de 2011) foi nosso único disco produzido por um profissional da área, o Ruben di Souza, amigo muito querido e um dos melhores produtores que conheço. Os demais todos foram produzidos por mim mesmo. Sempre com a preciosa ajuda de todos ao redor – músicos, técnicos, arranjadores etc. Neste novo trabalho eu volto à ativa coordenando talentos. Ninguém faz nada sozinho. Um grande projeto é resultado do trabalho de muitos. Vou trabalhar com todo mundo, porém, vou pilotar mais uma vez!

Santa Geração: Qual a previsão de lançamento?
Pastor Antônio Cirilo: A primavera em nosso hemisfério começa em setembro, ela fala de reflorescimento, de novidade, é a primeira verdade do campo. Junto à primavera, vai chegar o nosso mais novo álbum “Canção da Eternidade”. Aguardem!

IMG_6341

Aguarde! Em breve, para todo o Brasil e para as nações o mais novo trabalho do pastor Antônio Cirilo – o álbum “Canção da Eternidade”.

Assessoria Santa Geração
Por Ana Paula Costa

Fonte: Jornal Gospel News

Confira nossa conversa com a banda Mattina que falou sobre seu novo CD – Da Janela

mattina_divulg_onlineComo surgiu a banda Mattina? Tocávamos juntos no ministério de louvor das nossas igrejas e em outra banda. Com as mudanças de formação chegamos a este grupo. À medida que fomos tocando juntos percebemos que havíamos mudado também o nosso som. Resolvemos então criar um novo nome e seguir uma nova proposta.

Qual o significado do nome da banda

Mattina significa manhã em italiano. O nome se baseia no salmo 30:5 b “Ao anoitecer pode vir o choro, mas a alegria vem pela manhã”.

O que mais marcou você durante a gravação do seu segundo álbum, “Da janela”? 

No nosso primeiro álbum rolou um pouco de insegurança no estúdio, muito em função da nossa pouca experiência. Já nas gravações de “Da janela”, sabíamos melhor onde queríamos chegar. Nos dedicamos mais na pré-produção também e o resultado foi um clima mais tranquilo e descontraído no estúdio. O Júnior Diniz, que produziu o álbum conosco, contribuiu muito para conseguirmos a sonoridade que queríamos.

Qual o estilo e a sonoridade do disco? 

O estilo é o rock com boas pitadas de pop. Na composição da sonoridade desse disco pensamos em valorizar mais o som que fazemos ao vivo. Em relação ao álbum anterior o som ficou um pouco mais orgânico e os teclados ficaram mais em evidência, sem perder, no entanto a pegada rock das guitarras do William.

E quanto às canções? Como foi o processo de seleção do repertório? 

Foi muito tranquilo. Tínhamos umas 13 músicas preparadas, selecionamos as 8 melhores. Foi um processo democrático… rs

Qual ou quais músicas vocês destacam neste trabalho?

“Da janela”, “Frisson” e “A última canção”. Pela sonoridade e pelas letras.

Qual(is) canção(ões) o público tem se identificado mais? E porque essa identificação ocorre? 

A galera tem gostado muito da “Na direção do céu”, além das três da outra resposta.

Vocês pretendem investir em vídeo clipes? Como vocês enxergam esta ferramenta dentro do seu ministério? 

Temos um vídeo da música refúgio do álbum anterior, lançado no fim do ano passado. Já estamos conversando sobre a possibilidade de fazermos um novo clipe… Vamos ver se vai rolar… rs

Como você esta tratando sua identidade visual na web e nos meios de divulgação em geral? 

Temos a felicidade de ter um publicitário na banda. Nosso batera Matheus é quem cuida dessa parte. Foi ele quem fez todo o projeto gráfico dos nossos dois álbuns. Nada melhor do que alguém de dentro para construir nossa identidade visual.

O que vocês têm ouvido hoje em dia? 

Transmissor, Maglore, Palavrantiga, Crombie, Incubus, Sixpence none the richer, Hélvio Sodré… Enquanto respondemos essa pergunta tá rolando no playlist o novo cd da Lorena Chaves.

Qual a opinião de vocês em relação a esta abertura que a mídia secular está dando para os evangélicos? 

É uma oportunidade de divulgação da música e uma grande responsabilidade, no sentido de levar ao grande público algo relevante, que edifica e transforma.

A cada dia vemos crescer o uso de meios eletrônicos, como o Twitter, o MySpace, Orkut, Youtube, entre outros, para divulgação do trabalho. O que vocês acham dessas novas opções de mídia? 

São ferramentas importantes que permitem levar a nossa música para todos os lugares. Nosso álbum inclusive está disponível na íntegra no youtube. Tentamos manter sempre atualizado nosso twitter e a nossa página no facebook para nos aproximar de quem curte o nosso som.

Qual os seus planos para 2013? 

Continuar trabalhando na divulgação do novo cd… um clipe novo também não seria uma má idéia… rs

Poderiam deixar um recado para nossos leitores? 

Queremos apenas agradecer. A todos que curtem, pelo incentivo e por nos ajudar a divulgar o nosso som. Agradecemos a Deus por vocês.

Deixe aqui os seus Contatos:
http://www.facebook.com/mattinaoficial
https://twitter.com/#!/Mattina_oficial
http://www.youtube.com/mattinaoficial
http://mattinaoficial.blogspot.com.br

 

Confira a entrevista de Rachel Malafaia sobre novo CD pela Central Gospel Music

Para muitos cantores, a produção de um disco, desde a seleção do repertório até a finalização, é como gerar um filho. No caso de Rachel Malafaia, esse processo se tornou ainda mais marcante durante a produção do CD De fé em fé, seu terceiro álbum pela gravadora.

Logo no início dos trabalhos, a cantora, que já era mãe de Hadassa, de 4 anos, descobriu que estava grávida de seu segundo filho, Silas Neto, hoje com nove meses. E a surpresa não poderia ser melhor. Na verdade, para Rachel, foi uma resposta às suas orações. “A preparação do CD veio junto com o desejo de ter outro filho. Foi resposta de Deus”, declara a cantora, que já experimentava ali o que ela propõe nesse álbum: cantar as experiências que têm vivido com Deus e o seu desejo de viver pela fé.

O álbum apresenta 13 canções sobre o tema fé, e, para dar forma à mensagem que gostaria de transmitir, a cantora reuniu nomes de peso. Entre eles, Davi Fernandes, Gislaine e Milena, Eyshila, que canta com Rachel a canção Purifica; e Marquinhos Menezes, autor da música de trabalho intitulada Me ensina a confiar. Ela também entregou uma faixa a um jovem talento: Nicoly, de apenas 15 anos, que compôs Reina sobre todos. O repertório inclui ainda músicas de Paulo César Baruk e Emerson Pinheiro, que assinam a produção musical. É de Baruk a canção De fé em fé, que dá nome ao disco, e de Emerson a faixa Enquanto eu espero.

Por que o título De fé em fé? Pela primeira vez fiz um CD temático. O repertório foi feito em cima do tema fé, por ser um tema muito abordado entre os cristãos. Então busquei um texto bíblico para intitular o CD. Queria um versículo que expressasse a mensagem que gostaria de transmitir. Foi quando o Espirito Santo me levou ao texto de Romanos 1.16-17, que fala: Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego. Porque nele se descobre a justiça de Deus de fé em fé, como está escrito: Mas o justo viverá da fé. Imediatamente ao ler o texto, as palavras “de fé em fé” saltaram das páginas como uma ordem de Deus para a minha vida. “Rachel, a sua vida precisa ser definida por isto. Ande, viva e siga de fé em fé!”

O seu primeiro CD, Gerando sonhos, foi marcado pelo estilo pentecostal. No segundo, Ao Deus vivo, você apresentou canções em estilo congregacional. Qual o estilo desse terceiro trabalho?
Continua no congregacional, que é o que desejo continuar fazendo até o Senhor me direcionar para algo diferente.

Que mensagem você quer transmitir com esse novo álbum?
Passei por circunstâncias e situações em que precisei me apegar a Deus. Tudo caminhava na direção contrária ao que Deus havia me prometido e declarado. Eu sofria de ansiedade, que era a maior inimiga da minha fé e às vezes me preocupava demasiadamente, o que tornava mais difícil colocar a minha fé em ação. Então, à medida que eu era desafiada, prostrava-me aos pés do Senhor e declarava, com sinceridade, tudo aquilo que estava me impedindo de crer. Deus começou a trabalhar em minha vida, nos meus anseios e me mostrou que aquele sentimento o entristecia porque Ele estava no controle de tudo, Ele era e é o Deus soberano. É curioso que uma pessoa nascida e criada em um lar evangélico ainda assim passe por essas situações de dúvida. O Senhor, porém, fez-me enxergar que, enquanto seres humanos, estamos sujeitos a passar por situações desse tipo em algum momento da vida, e que isso nada mais é do que uma oportunidade para crescermos como cristãos e reconhecermos nossa total dependência de Deus. Devemos ter consciência de que, na crise ou na fartura, tudo o que temos e vivemos vem do Senhor. Ele é todo-poderoso, soberano, onisciente, onipresente e onipotente. Nada e ninguém podem impedir o Seu agir. Tenho visto e vivido isso cada dia mais em minha vida. Cada vez que eu me apoio e espero nele, sinto-me mais próxima e cresço na minha intimidade com Deus, reconhecendo Sua bondade e grande amor para comigo. Este CD é uma lembrança de tudo o que eu tenho vivido até hoje e que desejo viver dia após dia, de fé em fé.

Entre as canções há alguma especial para você?
Tive o privilégio de trabalhar com novos compositores, amigos e conquistar novas alianças com pessoas especiais que captaram a mensagem que eu gostaria de transmitir neste trabalho. Então, para mim, todas as canções são muito especiais, cada uma com a sua própria história, porque fui presenteada por Deus ao trabalhar com Davi Fernandes, Eyshila, Paulo César Baruk, Gislaine e Mylena, Marquinhos Menezes, Emerson Pinheiro, Bruno Gusmão, Denis Campos, Nicolly e Joselito. Deus me surpreendeu muito na formação do repertório e na disponibilidade desses servos do Senhor. A canção Reina Sobre Todos, da Nicolly, impactou-me profundamente por ela ser tão jovem.

Entre o primeiro e o segundo trabalho, você deu um intervalo de cinco anos, tempo em que se dedicou ao seminário nos Estados Unidos, e aos cuidados com a sua primeira filha. Já nesse terceiro CD, você descobriu que estava grávida de seu segundo filho e precisou adiar o lançamento do álbum, que deveria ter acontecido em 2012. O bebê foi uma surpresa? O que você pensou ao descobrir que estava grávida no meio da produção?
Na verdade, a preparação do novo CD veio junto à vontade de ter outro filho. Então, entreguei nas mãos de Deus e esperei nele a Sua direção e, mais uma vez, recebi de Deus uma palavra direta. “Minha filha, faça aquilo que está ao seu alcance e, da sua gravidez, Eu cuido”. Assim fiz, e o Senhor foi me direcionando em tudo. Foi uma imensa experiência porque tudo aconteceu na hora certa.

Como conciliou a continuidade da produção, o nascimento e os cuidados com o bebê?
Fiz tudo aos poucos e por etapas, mas sempre priorizando o bem-estar da minha família.

O que mudou na Rachel Malafaia do primeiro CD, lançado em 2007, para este terceiro trabalho?
Sinto-me mais segura e certa da visão ministerial que o Senhor tem me dado. A cada trabalho aprendo e cresço em todas as áreas da minha vida, amadurecendo cada vez mais para que o nome do Senhor seja glorificado.

Você repete a parceria com o Paulo César Baruk, seu produtor em Ao Deus vivo, e também convidou o Emerson Pinheiro. Fale dessa parceria?
A parceria dos dois deu muito certo em um dos projetos da minha querida amiga Eyshila e, como admiro muito o trabalho de ambos, quis também viver essa experiência. Outro motivo foi o fato de facilitar a minha locomoção para o estúdio que fica bem pertinho da minha casa, já que estava grávida. Fiquei muito satisfeita com o resultado por ter dois produtores tão dedicados trabalhando no projeto. Foi um presente de Deus.

Qual a sua expectativa para essa nova produção?
Espero que as pessoas recebam esta mensagem como bálsamo, encorajamento, cura e impulso para continuar avançando. Sempre perseverando de fé em fé.

Fonte: Jornal Gospel News

Patrícia Rezende lança site oficial e dá inicio a gravação do seu primeiro álbum

PATY-172Nascida em Belo Horizonte, Patrícia Soares Rezende começou a cantar aos 3 anos incentivada pelo pai. Teve uma infância um tanto musical e artística. Aos 5 anos já cantava em corais e participava de eventos musicais, dança e teatro na igreja e na escola.

Aos 12 anos, se mudou para Brasília com seus pais. De família cristã, Patrícia continuou sua trajetória musical começando a compor, participando de festivais e congressos evangélicos, dentre outros eventos. A carreira profissional começou já na adolescência.

Aos 17 anos, a mineira já trabalhava como backing vocal e produtora vocal. Aos 24 anos deu início a sua carreira secular cantando em bandas de baile, barzinhos, formaturas e casamentos, obtendo assim novas experiências musicais e também de vida.

m 2008, abriu mão da carreira secular, retomou e decidiu investir apenas em seu ministério.

Hoje, aos 31 anos, Patrícia Rezende, que em 2012 foi semifinalista da primeira edição do programa THE VOICE BRASIL, se dedica ao trabalho gospel, produzindo então seu primeiro disco.

No dia 15 de maio a cantora lançou oficialmente seu site oficial onde encontramos sua Biografia, Álbum de fotos, Galeria de vídeos, Agenda e muito mais.

Para acessar clique em http://www.patriciarezendeoficial.com.br/index.html

Saiba mais acessando
Facebook – https://www.facebook.com/pages/Patricia-Rezende/216592965076050

Perfil 2 – https://www.facebook.com/patricia.rezende.1675?fref=ts

Twitter – @_PatriciaRezend

Youtube – Patricia Rezende

Telefones para contato: (61) 8313-4151

Email: contato@patriciarezendeoficial.com.br>

Fotos:
Massi Filho

À luz do dia, André Valadão grava novo álbum – #Fortaleza

andreProdução arrojada e criatividade marcam o novo projeto de André Valadão,
gravado na Praia de Iracema, em Fortaleza.

Desde o início de sua carreira, André Valadão é conhecido por sempre propor novidades compondo seus projetos musicais. Foi o precursor na música gospel no estilo pop-balada-adoração. Seus CDs “Milagres” e “Alegria” foram sucessos de vendas em todo o Brasil. Mais a frente, foi com o álbum “Fé” que alcançou seu auge. A marca deste CD virou mais que uma logo, mas uma marca mesmo, propriamente dito. Virou uma linha de produtos e o DVD gravado em Vila Velha-ES em 2009 inaugurou um novo nível de qualidade no gospel nacional. Inclusive, foi o primeiro DVD dirigido por Alex Passos, diretor de vídeo sempre presente nas produções dos maiores nomes da música evangélica.

E ficou também a cargo de Alex Passos a missão de gravar à luz do dia. Uma fotografia inovadora, alinhada a mais de 19 câmeras captando as imagens do sábado ensolarado na Praia de Iracema. Uma das grandes novidades tecnológicas ficou por conta de uma câmera voadora sustentada por seis hélices, que sobrevoava a multidão.

A produção musical foi assinada por Ruben di Souza, que sempre enriquece as composições do André com bastante criatividade. Desta vez as novidades foram ritmos pop, alinhado a arranjos com metais e música eletrônica. Somando, três versões de canções internacionais também compuseram o repertório. “Awake my soul” do Chris Tomlin integrou a playlist de Fortaleza. Essa canção é um poderoso single do último CD do Chris, que por sua vez é considerado um “single-man” na música americana. As outras duas versões são “Forever Yours” e “All He says I am” do Gateway, ministério congregacional que ficou conhecido pelas versões feitas pelo Diante do trono. Nas produções dos CDs do Gateway, grandes produtores e compositores são especialistas em juntar em apenas um CD canções potentes na capacidade de serem cantadas em igrejas de todo o tipo.

Fortaleza ainda reuniu três grandes participações especiais. Ana Paula Valadão, Mariana Valadão e Thalles Roberto foram convocados para além de chamar a atenção do público para o produto que estava sendo fabricado, ou seja o CD, para que também pudessem agregar valor ao mesmo. Thalles é o nome mais popular do gospel nos últimos 3 anos, Ana Paula Valadão é líder do maior ministério de louvor e possui um público fiel que sempre compra seus CDs e também aqueles nos quais ela participa especialmente.

Como é possível perceber, André Valadão tentou a todo custo agradar com este novo projeto. Visto que seus dois últimos empreendimentos musicais não obtiveram uma boa aceitação do público. “Minhas canções” foi pouco compreendido pelo público e “Aliança” não alcançou a repercussão desejada. Tanto esforço não se refletiu no público presente. Esperava-se mais de 100 mil pessoas, porém uma média de 30 mil enfrentaram o sol de Fortaleza e assistiram à gravação.

Este novo projeto promete levar até a música gospel uma produção musical e audiovisual de primeira linha, resta saber se o conteúdo artístico proposto por André Valadão acompanha esse nível de qualidade.

Exclusivo supergospel.com e renattomanga.com

Mariana Valadão agora é Sony Music

mariana_contratoPor Rafael Ramos

Passada a grande especulação gerada no fim de semana, agora é oficial: Mariana Valadão é Sony Music! A cantora esteve na tarde desta terça-feira (14) acompanhada pelo esposo Felippe Valadão na sede da gravadora no Rio de Janeiro onde conversou com a imprensa sobre esse novo tempo em seu ministério.


Mais de um ano sem contrato com Graça Music, sua antiga gravadora, Mariana disse ter recebido propostas de várias outras empresas, mas que preferiu esperar o tempo certo para tomar uma decisão. “O Espírito Santo nos dirige em todas as coisas. Há cinco anos eu tive o desafio de começar a gravar meu primeiro CD na sala de casa onde as portas se abriram e tive paz em meu coração de iniciar uma carreira solo. Deus disse que o CD ia chegar onde os meus pés não iriam. O Maurício (Soares, diretor artístico da Sony) trabalhava na Graça Music e as portas se abriram e foi um tempo muito especial do qual eu não me arrependo. Se eu cheguei até aqui foi por onde eu passei e Deus usou pessoas para que eu estivesse aqui”, declarou.

A cantora, que vem preencher uma lacuna no segmento louvor e adoração da gravadora que se tornou uma das maiores no estilo pentecostal, também já está envolvida com os planos de seu primeiro disco pela nova casa que terá produção de Ruben di Souza que a acompanha desde o início.

Entretanto, as mudanças não se restringem apenas à nova gravadora: Mariana e Felippe agora moram na cidade Niterói, no Rio de Janeiro. Apesar da dor em sair de perto da família em Belo Horizonte, o casal está confiante na decisão que tomaram. “Tem dois anos que estamos orando para tomar essa decisão. Há algumas coisas que para a gente crescer doem e vimos a necessidade que existe na cidade de Niterói com tantos jovens perdidos e a maioria dos amigos do meu esposo estão desviados. A família do Felippe é de Niterói e Deus nos trouxe também para cuidar da família dele”.

Para o diretor Maurício Soares, a vinda de Mariana representa um marco na Sony Music Gospel que tem obtido grande sucesso com a música digital cujo maior destaque está nos produtos pentecostais. Agora, a gravadora se prepara para um novo desafio. “Nosso sucesso foi tão grande que vamos iniciar esse mês um projeto gospel na Colômbia e até o segundo semestre será a vez de Portugal e nossos artistas começam a ser distribuídos em Portugal, Angola, Moçambique e Cabo Verde”, ressaltou Maurício que anunciou que um dos primeiros artistas colombianos a terem distribuição da Sony será a banda Generación 12 e muitas novidades ainda estão por vir. 

 

<b>Sobre Rafael Ramos</b>

Rafael Ramos é membro da Igreja União Evangélica Pentecostal em Parada de Lucas (RJ).
É um jornalista apaixonado não só pela música, mas também pela história do gospel mundial.
Criador do site Gospel no Divã no ar desde 2008, é usuário quase compulsivo de redes sociais e amante de uma boa leitura.

Confira nossa entrevista com Leonardo Duarte que falou sobre seu primeiro CD

leonardo-duarte-fe-em-jesusQuem é Leonardo Duarte? 

Bem, tenho 29 anos e sou carioca da gema. Solteiro (namoro há 1 ano e 9 meses), sou membro da Assembleia de Deus em Bonsucesso, Pastor Jaime Soares e congrego na Filial Ebenézer, pastoreada pelo Alex Soares, aonde atuei como líder de louvor por um tempo e hoje trabalho assiduamente no ministério da igreja. Nas horas vagas gosto de um bom filme, sou apaixonado pela Sétima Arte.

Como foi seu início na música, mais especificamente na área de louvor e adoração?

Aos 14 anos, por necessidade da minha antiga igreja, eu aprendi a tocar teclado pelo fato de não termos músicos suficientes pra dar assistência aos cultos, fui até uma banca de jornal e comprei uma revista de música para aprender teclado, e o mais engraçado que foi tudo muito rápido, com 3 meses já estava tocando na igreja. Com o tempo fui entendendo que o “tocar” na igreja era mais sério do que eu imaginava.

Participei de uma banda chamada Geração de Louvor e o chamado de Deus na minha vida ficou cada vez mais claro, a banda acabou e eu continuei ministrando em algumas igrejas até que resolvi dar ouvidos ao que Deus tinha pra mim. Abri os meus ouvidos para ouvir o apelo do céu e como Isaías 6 eu disse ao senhor: eis me aqui, senhor, envia me a mim!

O que mais marcou você durante a gravação do seu primeiro álbum? 

São tantas que eu poderia listar, mais o que mais me marcou foi o fato de no dia da gravação eu estar com 60% da minha voz comprometida e chegamos a cogitar a cancelar a gravação, graças a Deus que Ele colocou um produtor muito competente na minha vida e sempre me orientando me deu forças e disse que eu conseguiria. Deus fez um milagre e gravamos todas as faixas em menos de 3 horas para a honra e glória de Deus! E como diz meu produtor, Wagner Derek, a gente não termina o disco e sim abandona né rsrsrs Deu tudo certo.

Qual o estilo e a sonoridade do disco?

Meu maior medo era fazer o que todo mundo está fazendo, nós temos muitas referências boas Michael W. Smith, Jeremy Camp, Chris tomlin, Israel Houghton, Fernandinho, Hillsong e Marcos Witt. Só que esse “som” eles já fazem, buscamos um som mais dos anos 80, tem um lance africano muito legal, pads e timbres vintage, muitas guitarras e muito pop rock claro que não podia faltar.

E quanto às canções? Como foi o processo de seleção do repertório?

Difícil, muito difícil. É um CD autoral então fica complicado rs, mas Graças a Deus que tenho uma Igreja maravilhosa e recebo um feed back muito bom. Colocava as canções no momento do louvor e via a reação da igreja e desde muito cedo já ouvia testemunhos lindos e já começava a selecionar na hora e debaixo de oração que é a base de todo aquele que quer ser bem sucedido em qualquer área da sua vida.

Qual ou quais músicas vocês destacam neste trabalho?

A de trabalho “Meu Tudo” e também “Curado eu Serei”. Salmo 121” e “Minha vida é te adorar” e outras que ficaria até difícil dizer.

Qual(is) canção(ões) o público tem se identificado mais? E porque essa identificação ocorre?

Justamente essas que lhe informei. “Meu Tudo” tem sido um mover de Deus. A Sociedade tem sido massacrada na área familiar, então hoje as pessoas chegam na igreja buscando refúgio, abrigo e força principalmente para lidar com essas questões.

Em “Ebenézer” nós temos declarado que a nossa família será curada, transformada e salva e assim como Josué 24:15 declara nós também profetizamos que eu e minha casa serviremos ao senhor. Acredito que essa tem sido umas das nossas bandeiras e por isso a identificação com essas canções. 

Você pretende investir em vídeo clipes? Como você enxerga esta ferramenta dentro do seu ministério?

Já começamos rsrsrs. Tive o prazer de ser dirigido pelo Lucas Storck, uma mente genial que tem feito um trabalho lindo com a gente. Acabamos de lançar o nosso primeiro vídeo clipe “Minha Vida é te Adorar” que já tem tido uma aceitação excelente na web e nas redes sociais. Já iniciamos o segundo clipe com a participação do meu amigo Anderson Freire. 

Como você esta tratando sua identidade visual na web e nos meios de divulgação em geral?

A Agência Excellence, do meu mano David Cerqueira, fez a nossa capa e a logo do Ministério, e já estamos providenciando o nosso site, e eu faço um trabalho junto com o Lucas Storck que me ajuda nas Artes do nosso projeto na web, atualizo o Facebook e o Twitter diariamente com a agenda e a divulgação de vídeos. 

O que você têm ouvido hoje em dia?

Além das referências que falei tenho ouvido demais o CD novo do Anderson Freire, não sai do meu celular: David Cerqueira, Diante do Trono, Fernandinho, Kari Jobe e Davi Sacer. Gosto de louvores que tocam, que mexe com agente.

Qual a sua opinião em relação a esta abertura que a mídia secular está dando para os evangélicos?

Eu tenho uma certa preocupação em relação a isso. Tenho sempre pedido ao senhor orientação do que fazer, do que falar, onde ir e não ir. Acho importante demais as portas quem tem sido abertas para o povo de Deus para a propagação do evangelho, só temos que perceber que porta Deus está abrindo e qual porta NÓS estamos forçando para abrir! Nós somos a influência e não os influenciados. Se Deus está na frente tudo vai dar certo.

A cada dia vemos crescer o uso de meios eletrônicos, como o Twitter, o MySpace, Orkut, Youtube, entre outros, para divulgação do trabalho. O que você acha dessas novas opções de mídia?

Coisa de Deus! Um click pode transformar a vida de uma pessoa, para o bem ou para o mal, agora hoje em dia o independente tem uma arma nas mãos que são as redes sociais, é uma coisa fantástica o que se faz hoje para promover uma música, um vídeo. Mais tem que saber usar!

Qual os seus planos para 2013?

Alcançar o maior número de vidas que eu puder com a minha voz, com meu trabalho, com as canções que Deus me emprestou com o Dom que ele nos deixou. Almas, almas, almas, almas, Fortalecer o Reino de Deus aqui na Terra através da minha vida. Fazer um trabalho forte de divulgação nesse novo caminho que Deus nos permitiu percorrer.

Poderia deixar um recado para nossos leitores?

Deus e seus mistérios. Faz 8 anos que Deus prometeu algo em minha vida, eu não sei há quanto tempo você espera algo da parte de Deus, Abraão esperou até ter 100 anos de idade para receber o filho que o senhor lhe havia prometido. Jó teve que esperar durante agoniados meses de dor e sofrimento sem saber se o senhor o havia ouvido ou se cuidava dele.

Deus não age apressadamente, age no tempo que ele em sua infinita sabedoria determina que seja o melhor. Temos que esperar pacientemente. As palavras de Davi são muito fortes quando ele diz : Bem aventurado o homem que põe a sua esperança e confiança no Senhor! Saiba querido que no tempo de Deus tudo irá tomar suas formas, saiba que o Senhor é aquele que te guarda e tem cuidado dos seus. Fique na paz e agente se esbarra por aí, abração para a minha linda Igreja AD Ebenézer e meu Pastor Alex Soares e para todos do Super Gospel Deus vos abençõe. 

Deixe aqui os seus Contatos:

Nossos contatos são: contatoleonardoduarte@gmail.com
Telefones: (21) 8174-2595 (21) 7470-2909
Facebook: /leonardoduarteoficial
Twitter: @Leo_DuarteRJ

 Fonte: Jornal Gospel News

Entrevista – Banda Ligação fala sobre o novo CD – Meu herói

Banda-LigaçãoComo surgiu a Banda Ligação? 

Em 1992 surgiu a banda Ligação em Maringá/PR, por amigos músicos da igreja. Um dos fundadores é o atual guitarrista da banda (Natto). Como qualquer ministério cristão o primeiro interesse por montar uma banda da inicio no louvor da igreja, músicos que tocam na igreja, mas tem um sonho de sair a fora como qualquer banda que toca no mundo inteiro.

Depois de formar o grupo vêm os ensaios no quartinho da casa de alguém, e aquele monte de equipamentos de baixa qualidade. Geralmente no início o propósito é um, mas agora com longa data de estrada e algumas alterações nos integrantes do grupo, foi amadurecendo e assim cumprindo o verdadeiro objetivo que é falar do amor de Deus.

Qual o significado do nome da banda?

O nome “Ligação” tem o significado de ligar o homem a Deus.

O que mais marcou vocês durante a gravação do álbum mais recente – Meu herói ? 

Tirando o lado técnico que nos surpreendeu que foi muito superior aos anteriores, o que mais marcou foi as letras composta por Rodrigo Guidelli (Vocalista), que nos proporcionou um conteúdo totalmente fundamentado na palavra de Deus de uma forma fácil de entender para e com o propósito de evangelizar.

Qual o estilo e a sonoridade do disco?

O disco tem o Rock como base, acompanhando o estilo que iniciou com a banda no primeiro disco. Mas o gênero atual é um Pop Rock, com mistura de new metal.

E quanto às canções? Como foi o processo de seleção do repertório?

As letras tem como tema central fundamentado na pessoa de Jesus. Fala de sua vida, das obras, da missão até mesmo de sua morte. Daí então vem o objetivo da banda mostrar Jesus como um verdadeiro herói. É um repertório focado para evangelizar. 

Qual ou quais músicas vocês destacam neste trabalho?

A Faixa “Meu Herói” (tema do CD) que destaca Jesus como o verdadeiro herói e a faixa “A Missão” que diz tudo sobre o nosso propósito de pregar o evangelho, e a missão que todos tem de falar do amor de Deus.

Qual(is) canção(ões) o público tem se identificado mais? E porque essa identificação ocorre?

A Faixa “A Missão” que além de ter uma letra fácil, tem um estilo que faz com que a galera participe.

Vocês têm investido em vídeo clipes? Como vocês enxergam esta ferramenta dentro do seu ministério?

Iniciamos com gravação de vídeo clipe em 2008 da música “Agora” do terceiro álbum da banda (Piscar de Olhos), depois em 2010 gravamos um vídeo clipe da música “Até encontrar” do mesmo álbum e no final de 2012 gravamos um vídeo da música tema do quarto álbum (Meu Herói) e no início de 2013 lançamos da música “A Missão” do mesmo álbum.

Sabemos que a imagem tem um grande valor para o meio musical. O vídeo clipe é algo muito antigo que não sai da “moda”, ainda mais com as ferramentas de fácil acesso. 

Como vocês estão tratando sua identidade visual na web e nos meios de divulgação em geral?

Nós estamos procurando ter de tudo um pouco com a melhor qualidade que podemos investir. Pois tudo hoje é muito caro e a banda ainda é independente, nós dependemos de Deus. 

O que vocês têm ouvido hoje em dia?

Gostamos muito de bandas internacionais, que tem o Rock muito bem produzido. Nossa referencia vem da banda Pillar, P.O.D, Skillet, Building 429, Switcfoot, Seventh Day Slumber e uma biblioteca de grandes bandas. 

Qual a sua opinião em relação a esta abertura que a mídia secular está dando para os evangélicos?

Sabemos que o interesse é o lado financeiro, mas como a MAIORIA das “mídias gospel” tem o mesmo interesse. Ninguém trabalha de graça, nós tentávamos vários contatos com gravadoras, distribuidoras e o que já ouvimos de forma DIRETA foi assim: “Nós contratamos grupos que já tem “nome”, com bastante agenda, mas continuem ORANDO”. Parece piada, mas isso é verdade. Claro que por trás da mídia secular rola algo diferente no lado espiritual, mas o foco principal é a mesma de várias “mídias gospel”. 

A cada dia vemos crescer o uso de meios eletrônicos, como o Twitter, o MySpace, Orkut, Youtube, entre outros, para divulgação do trabalho. O que vocês acham dessas novas opções de mídia?

Sem dúvidas essas tem sido as melhores ferramentas da banda, pois é de fácil acesso, com grande público e sem custo.

Qual os seus planos para 2013?

Nosso objetivo é expandir nosso trabalho, continuar com nosso propósito de evangelismo vendo pessoas se quebrantar na presença de Deus, aceitar Ele como o verdadeiro Herói através de nossas vidas e manter nossa agenda sempre em atividade, pois queremos tocar muito. 

Deixe aqui os seus Contatos:

http://bandaligacao.com
contato@bandaligacao.com
44-3259-8904 / 9829-4446 / 9919-8649
Maringá/PR

Fonte: Jornal Gospel News

Bate papo com a banda F4CES que falou sobre seu primeiro disco

f4cesComo surgiu a Banda F4ces? 

Por sermos primos e gostarmos muito do Ministério da Música na Igreja, aos poucos fomos consolidando nossa união cantando em diversas igrejas e eventos. Em 2010 em uma dessas apresentações surgiu a proposta de gravação do disco através do primo Gilvan Santos. A partir de então foi oficializado o ministério.

Qual o significado do nome da banda?

Nosso nome foi realmente um presente do Senhor. Demoramos muito para escolher entre diversos nomes que tínhamos em mente, dentre esses nomes surgiu à ideia do nome “FACES”, mas precisaríamos de um significado. Foi quando ao lermos um livro nos deparamos com a seguinte frase: “Escrever um hino é na verdade olha a face de Deus, acolher sua vontade e cantar sua graça”.

Esse é nosso desejo: refletir a face de Deus através dos louvores cantados!

O que mais marcou vocês durante a gravação do álbum mais recente ? 

Por ser a nossa primeira vez em estúdio, tudo era novo e surpreendente! Dentre as coisas que mais marcaram destacamos o carinho e os conselhos do nosso produtor Mysson Charly, como também a nossa superação a cada dia.

Qual o estilo e a sonoridade do disco? 

Nosso estilo é muito peculiar e o disco é bem eclético. Entretanto, destacamos a Adoração e Pop Contemporâneo.

E quanto às canções? Como foi o processo de seleção do repertório? 

Vieram naturalmente. Por termos músicas próprias, a escolha do repertório não foi uma tarefa difícil. Tawane Costa e Marcos Santos são os compositores do disco.

Qual ou quais músicas vocês destacam neste trabalho?

As músicas Meu Amparo, Foi Amor e No Mais Alto Lugar.

Qual(is) canção(ões) o público tem se identificado mais? E porque essa identificação ocorre? 

Recentemente fizemos uma pesquisa em nossas redes sociais e as respostas foram bem diversificadas. Para tanto destacamos as canções: No Mas Alto Lugar, Outra Vez, Meu Amparo e Santo e Digno.

Acreditamos que a justificativa da escolha esteja ligada a experiência pessoal de cada um.

Vocês pretendem investir em vídeo clipes? Como vocês enxergam esta ferramenta dentro do seu ministério? 

Sim. O clipe abre muitas portas. Depois que gravamos nosso primeiro vídeo os convites aumentaram, a valorização do nosso trabalho aumentou. No nosso caso por sermos independentes o clipe foi uma ferramenta poderosa de divulgação.

Como vocês estão tratando sua identidade visual na web e nos meios de divulgação em geral? 

Os meios de divulgação hoje são amplos e de bastante utilidade para a divulgação do trabalho. Por isso temos investido bastante, através da utilização de sites, publicações em revistas e portais, e através das redes sociais.

O que vocês têm ouvido hoje em dia?

Gostamos muito da música internacional Gospel. Dentre os vários cantores, atualmente temos escutado Anthem Lights, Casting Crows, Brandon Heath, Heritage Singers, Shawn McDonald, Britt Nicole, e tantos outros.

Qual a sua opinião em relação a esta abertura que a mídia secular está dando para os evangélicos?

Abriu muitas portas e o preconceito está sendo quebrado. Só temos que ter cuidado para não confundir os verdadeiros propósitos da música cristã, o louvor tem que ser dado ao Senhor e não ao sucesso pessoal.

A cada dia vemos crescer o uso de meios eletrônicos, como o Twitter, o MySpace, Orkut, Youtube, entre outros, para divulgação do trabalho. O que vocês acham dessas novas opções de mídia?

Para nós foi maravilhoso! Através desses meios nosso ministério pode ser conhecido mais rapidamente, até mesmo fora do país.

Qual os seus planos para 2013?

Temos vários planos dentre eles a gravação do novo single, produção do novo clipe, e pretendemos começar a pré-produção do novo cd.

Poderia deixar um recado para nossos leitores?

Agradecemos ao portal Super Gospel pela oportunidade de divulgar nosso trabalho. E a você leitor, desejamos que o nosso ministério contribua em seu crescimento espiritual e sirva de incentivo para que você também faça parte da missão de anunciar o amor de Deus e o seu breve retorno a essa Terra. Queremos pedir que em suas orações rogassem ao Pai em favor desse ministério.

Deixe aqui os seus Contatos:

www.ministeriof4ces.com
agenda_f4ces@hotmail.com
(79)99261061/91222119

 Fonte: Jornal Gospel News