“Lei da Palmada transforma pais educadores em reféns, e família em comunidade sem autoridade.” – Dr. Enio Araújo

lei-da-palmadaO relatório do Disque Câmara, de janeiro a junho de 2012, mostrou que 94,6% dos cidadãos que ligaram se posicionaram contra a ‘Lei da Palmada’.

Desde 2010, tramita no Congresso Nacional o Projeto de Lei (PL 7.672/2010), que proíbe o castigo físico em crianças e adolescentes e ficou conhecido nacionalmente como ‘Lei da Palmada’. O projeto foi aprovado por comissão especial no fim de 2011, e nas últimas semanas já ocorreram 14 discussões polêmicas sobre o assunto em reuniões da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania – CCJC.
Vários deputados apontam divergências e querem levar o projeto para discussão e votação em plenária. Na última terça-feira (13), um vídeo-chat foi realizado no site da Câmara dos Deputados com a argumentação de dois deputados federais: Luiz Couto (PT/PB) e Marcos Rogério (PDT/RO), que na oportunidade expressaram o forte impacto que a aprovação deste projeto trará à sociedade brasileira, pedindo que o projeto seja levado à discussão e votação em sessão. O bate-papo com os deputados e internautas pode ser lido e acompanhado neste link.
De acordo com o deputado Marcos Rogério, do ponto de vista formal, o projeto é uma ofensa ao regime e à Constituição, que impedem a tramitação conclusiva de projetos que tratem de direitos individuais. “É uma ofensa ao pátrio poder. Ele pode desautorizar os pais no processo de educação de filhos, ao proibir qualquer tipo de castigo corporal que provoque dor ou constrangimento. Não se trata de castigos cruéis, mas de qualquer correção, inclusive aquelas de natureza cerceadora, mas o Código Penal já tem pena para homicídio, lesão corporal e maus tratos. Os artigos 121, 126, 139 e o ECA (Estatuto da Criança e adolescente), também protegem contra os abusos, por isso é necessário adequar o projeto, o que só é possível levando-o ao plenário pelos 513 deputados”, afirmou Marcos Rogério. O deputado, que teve seus requerimentos com pedido de votação do projeto em plenário indeferidos pelo presidente da Câmara, entrou com um mandado de segurança (MS 32257) no Supremo Tribunal Federal-STF contra a mesa diretora da Câmara, por ela ter determinado a tramitação conclusiva da matéria no CCJC.

 

Opinião da ANAJURE

A Associação Nacional de Juristas Evangélicos – ANAJURE- posiciona-se contra o PL, e segundo o Dr. Enio Araújo, mais uma vez o Estado tenta interferir na família, enfraquecendo-a. Para o presidente interino da entidade, isto é o marxismo sorrateiramente sendo implantado, já que a idéia principal do projeto é que compete ao Estado determinar como os filhos devem ser educados, tornando os pais reféns e o ambiente doméstico em permanente suspeição.

Não se pode ignorar as reiteradas tentativas do atual governo de desconstruir os conceitos que norteiam a família. Projetos como o PL 122, a PEC da Diversidade Sexual e esta famigerada Lei da Palmada constituem uma verdadeira agressão à instituição responsável pelo equilíbrio da sociedade. Família saudável, sociedade saudável. O ordenamento jurídico brasileiro já prevê suficientemente a devida reprimenda aos agressores, não sendo necessário o direcionamento de um tipo legal para tal. É certo que a aprovação desta aberração jurídica transformará os pais de educadores em reféns, e a família numa comunidade sem autoridade. No instante em que se garante à criança ser educada sem qualquer repreensão física, institui-se a anarquia familiar e a proliferação de cidadãos sem limites, desordeiros, que não saberão seguir regras e imporão sua vontade pelo bel prazer de nunca terem sido contestados.” Afirmou o Dr. Enio.

O que é o projeto?

O Projeto de Lei 7.672/2010 tem como objetivo alterar o Estatuto da Criança e do Adolescente (a Lei 8.069/1990) e proíbe o castigo físico em crianças e adolescentes.

A ideia inicial do projeto foi proposta pela ONU (Organização das Nações Unidas) durante uma Convenção Internacional sobre os Direitos da Criança, e foi aprovada pela Assembleia Geral das Nações Unidas em novembro de 1989. A tramitação do PL 7.672/2010 na Câmara dos Deputados teve início com a apresentação de uma redação de projeto de lei na Câmara dos Deputados, da então deputada federal Maria do Rosário (PT/RS) em 2003, recebendo o número de projeto de lei (PL 2.654/2003).

Após ter obtido pareceres pela aprovação na Comissão de Seguridade Social e Família, Comissão de Educação e Cultura, e Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, o Projeto encontrou barreira na Câmara. Atendendo a nova disposição da ONU, editada por meio de comentário geral aprovado na 42ª sessão do Comitê dos Direitos da Criança, em junho de 2006, o novo texto do projeto foi enviado ao poder executivo, desta vez, sendo enumerado como Projeto de Lei – PL. 7672/2010.

Foi criada uma comissão especial para apreciação do projeto em 2011 e a deputada Tereza Sirita (PMDB-RR) foi designada como relatora. A deputada apresentou texto substitutivo ao projeto inicial, que foi aprovado na Comissão Especial, em 14 de dezembro de 2011.

______________
Por: ANAJURE – Angélica Brito l International Press Office

 

SBB promove encontro de pessoas com deficiência visual em São Luís (MA)

SBBProgramado para o dia 31 de agosto, evento marcará a entrega da Bíblia em Braile completa à Associação de Deficientes Visuais do Maranhão; o tema “Ser Cidadão” visa despertar a pessoa com deficiência para a conquista de seus direitos.

A capital São Luís será palco, no dia 31 de agosto, do II Encontro de Pessoas com Deficiência Visual do Maranhão, iniciativa da Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) que tem o objetivo de promover a inclusão e a integração desse público e seus familiares em uma programação cultural e interativa, focada na disseminação da Bíblia. Tendo como tema “Ser Cidadão”, o evento será realizado no Auditório da Igreja da Colheita e será marcado pela doação da Bíblia em Braile completa para a Associação de Deficientes Visuais do Maranhão.

“Ao permitir que também os cegos tenham acesso às Sagradas Escrituras, a Bíblia em Braile tem contribuído para promover inclusão e acessibilidade, ressalta o secretário de Comunicação e Ação Social da SBB, Erní Seibert, reforçando a importância do programa A Bíblia para Pessoas com Deficiência Visual, por meio do qual a SBB distribui gratuitamente a Bíblia Sagrada em braile a mais de 2,5 mil pessoas cadastradas.

A escolha do tema “Ser Cidadão” para esta edição visa despertar o público para a conquista de direitos, valorizando o que já foi conquistado na luta histórica da pessoa com deficiência e mostrando o que ainda pode ser feito para a inclusão na sociedade, através de ensinamentos e princípios bíblicos que propiciem este processo.

Confira a programação:

 §        15h00 – Boas-vindas

§        15h05 – Apresentação do Coral “Eis me aqui” – Escola de Cegos do Maranhão

§        15h20 – Apresentação do vídeo “A Bíblia para pessoas com deficiência” – com audiodescrição

§        15h25 – Palestra “A SBB servindo pessoas com deficiência”

§        15h55 – Apresentação da música “A importância da Bíblia no meu cotidiano” – Hilário Filho

§        16h05 – Premiação da Melhor Poesia “Ser Cidadão – A Importância da Bíblia no Meu Cotidiano”

§        16h25 – Doação da Bíblia completa em Braile – Associação de Deficientes Visuais do Maranhão

§        16h35 – Apresentação do Filme: Nascimentos de Jesus (com audiodescrição)

§        17h25 – Coffee break

§        17h45 – Encerramento

Serviço:

Ø   II Encontro de Pessoas com Deficiência Visual do Maranhão

Data: 31 de agosto de 2013

Horário: das 15h00 às 17h45

Local: Auditório da Igreja da Colheita

Rua Santo Antonio, nº 14 – Curva do 90 – Vinhais

São Luís – MA

Confirmação de presença: 0800-7278888 e (98) 8823-6299

A SBB e a Bíblia em Braile – A Sociedade Bíblica do Brasil é uma organização sem fins lucrativos, de natureza filantrópica, assistencial, educativa e cultural. Sua finalidade é traduzir, produzir e distribuir a Bíblia Sagrada, um verdadeiro manual para a vida, que promove o desenvolvimento espiritual, cultural e social do ser humano, provocando, assim, a transformação daquele que com ela entra em contato. Para cumprir a missão de distribuir, de forma relevante, a Bíblia a todas as pessoas, desenvolve programas de assistência social e espiritual em todo o País. Fundada em 1948, construiu sua trajetória com base na missão de “promover a difusão da Bíblia e sua mensagem como instrumento de transformação e desenvolvimento integral do ser humano”.

Composta por 38 volumes, a Bíblia completa em braile é produzida pela SBB, na Imprensa Braile, integrada à Gráfica da Bíblia – localizada na Sede Nacional da entidade, também no município de Barueri. Com texto bíblico na Nova Tradução na Linguagem de Hoje, uma tradução que adota estrutura gramatical e linguagem mais próximas da falada pelo brasileiro, foi idealizada com o objetivo de ser mais acessível à maioria das pessoas com deficiência visual, alfabetizadas em braile.

Os volumes da Bíblia em Braile são fornecidos gratuitamente pela SBB aos deficientes visuais cadastrados no programa A Bíblia para Pessoas com Deficiência Visual. Os inscritos no programa recebem um volume da publicação a cada trimestre. Ao ampliar a oferta de literatura bíblica em formato adequado para esse público, o programa tem contribuído no processo de inclusão social, desenvolvimento cultural, amparo espiritual e na reabilitação das pessoas com deficiência visual. No site www.sbb.org.br, há uma seção para o cadastramento. Informações podem ser obtidas também pelos telefones 0800-727-8888 e (11) 3474-5733.

Devido ao alto custo da publicação, para alcançar a totalidade desta população a SBB tem empreendido grande esforço no sentido de que a Bíblia em Braile esteja disponível em todas as bibliotecas públicas do País. A Bíblia em Braile completa custa R$ 1.400,00 (encadernação espiral) ou R$ 2.800,00 (com capa dura).

Por:  Luciana Garbelini: (11) 99292-2131.

SANTOS (SP) RECEBE SEMINÁRIO DE CIÊNCIAS BÍBLICAS

SBBPromovido pela Sociedade Bíblica do Brasil, o encontro será realizado nos dias 23 e 24 de agosto. As vagas são limitadas.

Nos dias 23 e 24 de agosto, a cidade de Santos (SP) será palco de mais uma edição do Seminário de Ciências Bíblicas. Realizada há mais de uma década, a iniciativa, da Sociedade Bíblica do Brasil (SBB), visa contribuir para a ampliação do conhecimento sobre o Livro Sagrado. Para isso, reúne palestras que abordam aspectos sobre tradução da Bíblia e sua história, bem como a aplicação dos ensinamentos do Livro Sagrado em diferentes setores sociais, na igreja, na família e na escola, entre outros.

Organizados desde o ano 2000, esses encontros já alcançaram milhares de pastores, líderes cristãos, obreiros, professores de escola bíblica e seminaristas. A edição de Santos, que acontece na Igreja Presbiteriana Jardim de Oração, terá cinco painéis, além de espaço para uma sessão de perguntas e respostas. O investimento é de R$ 30,00. Mais informações pelo telefone 0800-727-8888 (SBB).

Confira, a seguir, a programação completa do evento:

23 DE AGOSTO – Das 19h30 às 22h30

§         A Bíblia: sua natureza, funções e finalidade – Vilson Scholz: Essa palestra aborda a importância da Bíblia Sagrada, o livro mais traduzido e lido de todos os tempos. Regra de fé e de vida dos cristãos, a Bíblia é lida, pregada, discutida e vivida. No entanto, raramente seu leitor faz uma pausa para perguntar: Que livro é esse? Quais são as suas funções? Aonde esse livro quer nos levar? Qual é a sua finalidade? E são justamente esses os questionamentos levantados pelo palestrante durante o painel.

Vilson Scholz: Pastor e professor de Teologia Exegética, tem mestrado e doutorado na área do Novo Testamento. Consultor de Tradução da Sociedade Bíblica do Brasil, é professor da Universidade Luterana do Brasil, em Canoas (RS). É tradutor do Novo Testamento Interlinear Grego-Português (SBB) e autor de Princípios de Interpretação Bíblica (Editora da Ulbra).

 §         A função da Bíblia na igreja local – Erní Walter Seibert: A partir da constatação de que o conhecimento da Palavra de Deus ainda é pequeno, a palestra chama atenção para a necessidade do uso da Bíblia na vida das igrejas, ensinando, por exemplo, como podem se valer da fartura de materiais bíblicos em suas atividades de evangelização.

Erní Walter Seibert: Doutor em Ciências da Religião, mestre em Teologia e com MBA em Marketing de Serviços, é autor de quatro livros. Tem ainda trabalhos publicados em vários livros e revistas especializados em Teologia e Ciências da Religião, tanto no Brasil como no exterior. É secretário de Comunicação e Ação Social da SBB e diretor do Museu da Bíblia de São Paulo e do Centro Cultural da Bíblia no Rio de Janeiro.

24 DE AGOSTO – Das 8h30 às 17h00

§         A transmissão do texto bíblico – Vilson Scholz: A Bíblia, escrita em hebraico, aramaico e grego, é uma coleção de livros que ficou pronta há mais ou menos dois mil anos. Se hoje os textos originais são traduzidos, cabe perguntar: Como esses textos foram preservados? Onde estão publicados? Como ter acesso a eles? Esta palestra, que inclui temas relacionados com paleografia, arqueologia e crítica textual, procura mostrar como a Bíblia foi transmitida, desde o tempo dos profetas e apóstolos, até os dias de hoje.

§         A Bíblia no mundo digital – Elismar Vilvock: Em toda a Bíblia há relatos de mensagens sendo escritas em diversos materiais e esta tem sido, por muito tempo, a melhor maneira de transmitir conhecimento de uma geração para outra. Com a descoberta do mundo digital, notou-se que aquilo que antes parecia a solução ideal, tinha seus problemas, dando início a uma nova busca, chamada de “conteúdo digital”. A SBB desenvolve alguns produtos digitais, entre os quais a Biblioteca Digital da Bíblia (Libronix), Glow e webservice de textos bíblicos.

Elismar Vilvock: Bacharel em Teologia pelo Instituto Concórdia de São Paulo e em Ciência da Computação pela UNIFIEO, é gerente de Desenvolvimento de Publicações Digitais da SBB.

·         A missão de levar a Bíblia à Pátria – Elismar Vilvock: Nesta palestra, serão destacados os vários esforços da Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) para difundir a Bíblia e a sua mensagem. Entre os destaques está a apresentação dos programas sociais da entidade, voltados especialmente para as populações em situação de risco social, e o programa sócio evangelizador, mantido pela SBB há mais de 30 anos.

Seminário de Ciências Bíblicas de Santos (SP)

Data:           23 e 24 de agosto de 2013

Local:          Igreja Presbiteriana Jardim de Oração

Endereço:    Rua Alagoas, 67 – Gonzaga

Santos – SP

Horário:       23/08 – Das 19h30 às 22h30

24/08 – Das 8h30 às 17h00

Investimento: R$ 30,00

Informações e inscrições: 0800 727 8888 ou (13) 3289-5408

Site da SBB: www.sbb.org.br/seminarios

Por:  Luciana Garbelini

Oficina da Palavra – 11 3289-2139

Fonte: Jornal Gospel News

Tropa de Elite de Deus ganha videoclipe oficial

pr pauloCanção do CD ‘A nossa alegria é o Senhor’ é o primeiro videoclipe oficial do Ministério LouvaDeus em 2013

A canção Tropa de Elite de Deus é especial para quem acompanha o trabalho do ministério LouvaDeus. Um web clipe com a canção como tema, gravado durante um ensaio e lançado a cerca de seis meses, atraiu cerca de 20 mil views e gerou expectativa no público para o vídeo oficial.

Com a abertura das inscrições para o Troféu Promessas 2013, a banda decidiu que era um momento especial para o lançamento do vídeo que prometia uma produção especial. A canção integra duas das cinco categorias nas quais a banda se inscreveu. O clipe contou com a participação de amigos e seguidores do Facebook.

A canção faz uma alusão aos cristãos como uma tropa de elite, assim como o BOPE (Batalhão de Operações Especiais), mas que tem como objetivo alcançar as pessoas com a Palavra de Deus. As pessoas são abordadas nas ruas, e no lugar de uma arma, a Bíblia. Uma mistura equilibrada da temática ‘tensa’ com uma pitada de diversão, ao som da louvadeira.

A produção do clipe ficou por conta de Daniel Resende e Sérgio Apolônio (Booz Studio´s), que escolheram gravar as cenas em vários pontos da capital federal, cidade natal da banda.  A edição e finalização ficaram nas mãos de Will M. e Vinícius Dias.

“Um agradecimento especial ao Sargento Johnson Rodrigues, do BOPE de Brasília, que contribuiu com apoio à cenografia e orientações quanto às referências ao batalhão”, destaca o vocalista Paulo Porto.

Confira o videoclipe:

Sobre o ministério LouvaDeus, acesse: www.ministeriolouvadeus.com

Assessoria de Imprensa

Janaina Mangerote

Fonte: Jornal Gospel News

Chat Moema: igreja usa redes sociais para evangelizar

1012852_563440107046624_1368450820_nUma mistura de música, entrevistas com convidados especiais e bate-papo. Produzido no formato de um programa de televisão, o Chat Moema é a nova ferramenta de evangelismo criada pela Igreja Renascer, de Moema.

O alvo segundo os organizadores são os usuários de mídia social. “O nosso ide precisa ser através de todas as mídias, de todos os caminhos. E os caminhos digitais alcançam rapidamente milhares de pessoas que são impactadas com o amor de Jesus”, disse o Bispo Abbud. Segundo ele, a Igreja já usa importantes métodos de evangelização, mas é necessário continuar inovando para compartilhar a mensagem da salvação.  A iniciativa é operada por voluntários de diversas áreas, como tecnologia, comunicação e eventos.

Para a primeira edição, os convidados são: a Banda DOPA, que apresenta o novo trabalho; Bruno Oliveira, lutador de MMA; e o bispo Daniel Tenuta, líder do ministério O2 Church .

O evento será realizado sempre às quintas-feiras, das 22h à 0h, e será transmitido ao vivo pelo YouTube. O link estará disponível em www.facebook.com/chatmoema.

Serviço:

Chat Moema – sempre às quintas-feiras

Local: Avenida dos Imarés, 64 – Moema – São Paulo

Horário: 22h à 0h

Entrada Franca

Fonte: Jornal Gospel News

Assine o abaixo-assinado lançado pela Missão Portas Abertas em mobilização pela igreja na Síria

APOIE-SIRIAConhecida por seu trabalho de suporte e acolhimento à Igreja Perseguida, a Missão Portas Abertas lançou recentemente uma campanha que visa envolver mundialmente os cristãos através da oração pelos sírios, e também recolher assinaturas que serão apresentadas à instâncias globais, como o parlamento britânico, com o objetivo de mostrar o apoio que os cristãos sírios tem recebido de seus irmãos na fé em todo o mundo.

Para facilitar a participação da maior quantidade de pessoas possível, a organização disponibilizou um grande acervo informativo para divulgação do projeto nas igrejas e redes sociais através do site www.apoiesiria.org .

Atualmente com mais de 3.200 assinaturas, a Portas Abertas tenta fortalecer a igreja da Síria por meio de diversas ações, incluindo doações que serão entregues às igrejas e instituições cristãs atuantes no atendimento e socorro de refugiados no país.

Acesse o abaixo-assinado clicando AQUI.

SÍRIA – ENTENDA O CONFLITO:

Guerra civil na Síria é palco de sangrento conflito e evasão de cristãos em massa

 

Por:  ANAJURE – Wanda Galvão l Jornalista e Secretária Administrativa
Com informações enviadas pela Missão Portas Abertas
Fonte: Jornal Gospel News

MAIORIA OU MINORIA, EIS A QUESTÃO…

yellow umbrella
Existe em Sociologia um fenômeno chamado Fato Social, que explica a tendência comum de se seguir as massas. A sociedade dita as regras de forma coercitiva e o povo segue, na maioria das vezes, de forma involuntária. Deus ensinou cedo a lição de que a maioria nunca seria a regra para o exercício da razão. Portanto, cuidado ao juntar-se às massas. Por ocasião do dilúvio, quantos se salvaram? a maioria ou a minoria? Na destruição de Sodoma e Gomorra, quem se salvou? a minoria, não foi? Do povo de Israel, quantos não se dobraram ao bezerro de ouro? Uma minoria, praticamente uma tribo somente. Eles queriam um rei, Deus disse não; EU SOU o Rei de vocês. Mas como uma criança teimosa eles insistiam: – mas todo mundo tem, por que não a gente! nós também queremos o nosso rei! E assim recusaram a liderança de Deus, copiaram os costumes dos povos vizinhos pagãos e a tragédia se seguiu. Finalmente, quantos entraram na terra de Canaã? Não foi uma minoria? Não é que Deus escolhe uma minoria para se salvar e a maioria para se perder. Acontece que uma minoria escolhe servi-Lo.
Amigo, abra os olhos porque você e eu também continuamos no caminho em direção a Canaã, desta vez, a celestial. Esse caminho é estreito, pedregoso e envolve renúncia. Se a maioria anda na direção do abismo, não se sinta inferior  ou anti-social por ser diferente, andando na contramão. Um dia o comandante Josué fez um grande desafio: “Porém, se vos parece mal aos vossos olhos servir ao Senhor, escolhei hoje a quem sirvais; se aos deuses a quem serviram vossos pais, que estavam além do rio, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra habitais; porém eu e a minha casa serviremos ao Senhor.” Jos. 24:15.  Esse desafio é extensivo hoje a você e a mim. Eu já fiz a minha escolha, e você? Pense nisso.
Por: Rubens Silva

Ana Paula Valadão faz convocação nacional de oração pelo Brasil

orepelobrasil-400x225TRANSFORME O BRASIL

“Se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, perdoarei os seus pecados e sararei a sua Terra”. (2 Crônicas 7.14)

“Eu vou transformar o Brasil. Mas vocês devem transformá-lo a partir dos seus joelhos primeiro”

“Tocai a trombeta em Sião, promulgai um santo jejum, proclamai assembleia solene”. (Joel 2.15)

Estamos vivendo dias históricos. Anos de clamores, jejuns e lágrimas em favor da nação já provocaram mudanças e livramentos. Mas ainda há muito a ser transformado. A Igreja brasileira carrega o peso da responsabilidade. Temos a chave da autoridade que move os céus e a terra. As promessas de Deus para a cura da nação pertencem a nós e exigem nosso posicionamento. Estamos experimentando o fortalecer no comprometimento em jejuns e oração pelo país. Os intercessores sentem as “dores de parto” se intensificar. Cremos que estamos no limiar de um novo tempo, da hora de dar à luz a um Brasil transformado.

Na páscoa deste ano mais de onze mil adoradores e intercessores se reuniram em um Congresso cujo tema foi Adoração e Transformação. Ouvimos testemunhos sobre a transformação de Uganda, país antes assolado pela guerra e pela Aids. Circunstâncias que pareciam impossíveis de serem solucionadas, até mesmo pelo governo do país, foram transformadas pela postura da Igreja em unidade, em arrependimento e em oração.

A profetiza Cindy Jacobs entregou uma mensagem: “Assim diz o Senhor: Estou dando ao Brasil uma segunda chance. Estou dando a vocês uma janela, diz o Senhor, por onde vocês vão começar a orar. E assim diz o Senhor: Se vocês não se apropriarem desta janela eu vou começar a abalar a economia. O Senhor diz: Eu vou transformar o Brasil. Mas vocês devem transformá-lo a partir dos seus joelhos primeiro. Comecem a clamar dia e noite. Eu edificarei a Casa de Oração para todas as nações a partir do Brasil. Eu vou começar nos campos universitários, nas escolas, nos prédios do governo. Assim diz o Senhor: É o meu desejo derrubar o principado da corrupção e o principado da pobreza porque virei e abalarei tudo o que pode ser abalado. Estou preparando uma geração pioneira. Que se levantem os Joões Batistas! Levantem-se os Joões Batistas! Levantem-se os abridores do caminho que prepararão o caminho do Senhor para a transformação do Brasil.”

Nos últimos dias assistimos o povo brasileiro saindo às ruas e pressionando as autoridades para que haja mudança. A profecia de Jacobs foi relembrada e espalhou-se pelas redes sociais. A Igreja reconhece o mover do Espírito impulsionando a história. O amor pelo Brasil está sendo renovado nos corações dos brasileiros, que cantam o Hino Nacional, vestem verde e amarelo e carregam a bandeira, com um sentimento que vai muito além do futebol, mas como um protesto por dias melhores na pátria amada. Como escreve Isaías 62:5: “Porque, como o jovem desposa a donzela, assim teus filhos te desposarão a ti; como o noivo se alegra da noiva, assim de ti se alegrará o teu Deus”. O povo brasileiro está amando e se comprometendo com a sua terra.

Em meio a tudo isso Cindy Jacobs falou comigo ao telefone. Ela teve uma visão espiritual com o símbolo da anarquia, a letra A dentro de um círculo. O Senhor disse a ela que a Igreja brasileira precisa paralisar o espírito de anarquia que veio para ferir o país. O inimigo sempre tentará macular o que Deus está fazendo, e este é o momento em que Deus está levantando o Brasil como um testemunho entre as nações. Jacobs se reuniu com Lou Engle (Fundador do movimento The Call, que desperta e reúne a Igreja nas nações, em ajuntamentos solenes de adoração, intercessão e proclamação da Palavra). Eles discerniram que precisamos de uma estratégia de oração pelo Brasil e conclamaram um jejum de 21 dias, culminando com um dia nacional de oração pelo país, no domingo, 14 de Julho.

Após este telefonema com Jacobs conversei com a Pastora Ezenete Rodrigues, que está à frente de um exército de intercessores em Lagoinha e em todo o Brasil. Há alguns dias o Senhor também lhe disse que deveria acontecer um dia de mobilização nacional de oração pelo Brasil nas igrejas. A proposta do dia 14/7 veio confirmar isso. Os intercessores também discerniram que a Igreja precisa ir para as ruas, não com passeatas ou marchas, mas a lugares estratégicos das cidades e orar.

Foi então que o Senhor me conduziu a compartilhar essas direções com a Apóstola Valnice Milhomens, que é reconhecida por sua consagração e jejuns, há mais de 20 anos, a favor do país. As palavras de Valnice foram: “Esta é a agenda do Espírito”. Percebemos que esta estratégia não nasceu na mente ou no coração de uma pessoa ou ministério, mas é algo que o próprio Deus planejou.

As confirmações foram impressionantes. Em uma Convenção esse ano o Senhor disse a Valnice que a Igreja deveria ir às ruas, às praças. Disse que o avivamento vem das ruas, vem de fora para dentro. Essa palavra foi entregue por um profeta antes mesmo das recentes manifestações populares. Já estava sendo organizada uma mobilização para que a Igreja ore nas ruas no sábado, dia 13/7. Além disso, na manhã do dia em que conversamos houve uma conferência com diversos líderes da nação. Foi definido que no dia 15 de Julho eles se encontrariam em Brasília para orar. Ficamos impressionadas, pois a contagem dos 21 dias de jejum acabam exatamente no dia 15/7, dia deste ajuntamento de pastores, profetas e apóstolos do país.

Compartilho agora a estratégia para a Igreja neste momento crucial na história do Brasil:

21 dias de jejum e oração: de 25/6 a 15/7.
O jejum pode ser feito de diversas maneiras. Por exemplo, há o jejum em que a pessoa ingere apenas alguns tipos de alimentos, o jejum em que a pessoa retira uma refeição, o jejum em que a pessoa se alimenta apenas à noite, o jejum de líquidos (apenas bebendo líquidos), o jejum integral (apenas bebendo água).

Se você já está fazendo um período de jejum, continue até o dia 15 de julho para estar em unidade com as demais igrejas do Brasil.

13/7 – sábado: A Igreja Nas Ruas, orando em lugares estratégicos. Grupos de crentes orando na Prefeitura, na Câmara dos Vereadores, na Assembleia Legislativa, em praças e lugares de monumentos, em frente a hospitais, escolas, universidades, TVs e rádios, e todo lugar estratégico onde o Espírito do Senhor direcionar.

14/7 – domingo: Cada igreja fará seus cultos como reuniões de adoração, oração e proclamação da Palavra a favor do país. O ideal é que sejam feitas 12 horas ininterruptas de adoração, oração e proclamação da Palavra.

15/7 – segunda-feira: Em Brasília, pastores, apóstolos, profetas, intercessores e líderes de todo o Brasil se reunirão para 12 horas de adoração, oração e proclamação da Palavra em favor do país. Local: No Templo da INSEJEC, que fica no centro do Distrito Federal, a partir de 8 horas da manhã.

“Por amor do Brasil não me calarei e não me aquietarei. Sobre os teus muros, ó Brasil, pus guardas, que todo o dia e toda noite jamais se calarão; vós, os que fareis lembrado o Senhor, não descanseis, nem deis a ele descanso até que restabeleça o Brasil e o ponha por objeto de louvor na terra”. (Isaías 62.1a, 6 e 7) *adaptado

Chamada Ana Paula Valadão e Gustavo Bessa para TV:

Chamada Lou Engle:

Chamada Cindy Jacobs:

elisandra

Fonte: Jornal Gospel News

Carta de entidade interdenominacional recomenda que EUA fortaleça política de defesa da liberdade religiosa em todo o mundo

bandeira_dos_eua_11A direção norte-americana da International Religious Freedom – IRF (em português, Liberdade Religiosa Internacional), uma rede interdenominacional de organizações e indivíduos que defende a liberdade de religião e crença, publicou um carta-manifesto em 27 de junho, pedindo ao Governo dos Estados Unidos maior proteção e promoção da liberdade religiosa  internacional.

A carta será publicada após o segundo evento anual da IRF no Capitol Hill, organizado em parceria com a Christian Solidarity Worldwide (CSW), e expressa a preocupação da direção da entidade “com o atual estado da liberdade religiosa internacional, que está se aprofundando em uma crise”. Inclui também recomendações sobre “como os Estados Unidos podem fortalecer a política de liberdade internacional religiosa de tal forma que a liberdade de religião, consciência e de crença – o fundamento da dignidade humana – seja protegida e promovida, resultando na redução da perseguição, assim como maior segurança e estabilidade em todo mundo”.

Apesar de a direção da IRF receber bem o fato de o “secretário Kerry haver ampliado o diálogo estratégico com a sociedade civil através do Grupo de Trabalho de Religião e Política Externa, um comitê consultivo de diversidade religiosa, não partidário, que apresenta recomendações para o Departamento de Estado em resposta às necessidades expressadas para melhoria do envolvimento com comunidades religiosas e o entendimento da dinâmica religiosa em todo mundo”, ela reitera que a atitude “não é o suficiente”.

As recomendações incluem medidas para fortalecer os mecanismos da Lei da Liberdade Internacional Religiosa (IRFA) de 1998, os quais “têm sido inibidos e atrofiados. A política de liberdade internacional religiosa não foi integrada dentro da segurança nacional e da política externa norte-americana, e nós não temos tido um impacto significante em outros governos”, conclui a carta.

Mervyn Thomas, Diretor Executivo da Christian Solidarity Worldwide (CSW), afirmou que deve haver uma tomada de decisões a partir das recomendações contidas na carta. “Juntamente com a Direção do IRF, solicitamos que o governo dos EUA que se envolva totalmente com as recomendações contidas nesta carta. Na semana em que a União Européia publicou novas orientações sobre a Liberdade de Religião ou Crença, afirmando seu compromisso com a luta contra as violações a este direito, nós encorajamos o governo dos EUA a também fortalecer suas políticas, a fim de garantir uma abordagem sistemática, coordenada para a defesa e promoção desse direito em todo o mundo”.

Fonte: CSW
Tradução: ANAJURE

Participe do 2º Congresso de Artes e Missões, em Julho.

130525-0001

Com o tema “Não me calarei” esta edição reunirá inconformados que querem fazer a diferença com seus talentos.

Entre os dias 11 e 14 de julho, o Ministério de Artes Freedom da Lagoinha reunirá pela segunda vez centenas de artistas cristãos para participarem de workshops e ministrações sobre o tema “Não me calarei”, baseado em Isaías 62.1. O inconformismo sobre a realidade espiritual e social do Brasil, e como o cristão pode fazer a diferença com seu talento e habilidade, são assuntos que serão abordados durante o Congresso.

Diversas oficinas, música, teatro, circo, entre outras atividades, estão sendo preparadas para os participantes. Na primeira edição do evento mais de 150 congressistas de todo o Brasil participaram. “O propósito é capacitar artistas por meio dos workshops de dança, teatro, circo, evangelismo, entre outros, mas também colocar em prática o discipulado com workshops sobre aconselhamentos, sexualidade e liderança de louvor. O Senhor tem nos levado desde grandes plataformas até os pequenos lugarejos, é um projeto completamente missionário”, explica Peterson Amicuchi, líder do Ministério de Artes Freedom.

O local escolhido para este ano foi o sítio Green Peace em Contagem (MG) que acomodará as mais de 200 pessoas esperadas pela equipe do Congresso. As inscrições estão abertas pelo site eventos.lagoinha.com, o valor é R$ 220,00 e pode ser dividido em até 12 vezes no cartão. A hospedagem e alimentação estão inclusos, e o congressista deverá levar somente roupa de cama e banho. No dia 11/7 sairão da porta da Igreja Batista da Lagoinha dois ônibus, um às 13h e outro às 18h, para quem não possa ir de carro.

“Não me calarei é o tema que o Senhor trouxe ao meu coração. (…) o que você tem feito para melhorar o seu país? Como vamos salvar mais vidas para o Reino de Deus, e como seus talentos, habilidades e dons podem acrescentar no Reino? Diante dessas perguntas fui impulsionado a fazer com que o meu chamado dê mais frutos e isso gerou em mim uma insatisfação que precisa ser gerada em todos”, compartilha Peterson, que convida você a participar do 2º Congresso de Artes e Missões.

Confira o vídeo sobre o Congresso!

http://www.youtube.com/watch?v=Ky-KrfjgjWE&feature=youtu.be

2º Congresso de Artes e Missões

Data: 11 a 14 de Julho

Local: Sítio Green Peace

Tema: “Não me calarei”

Informações: (31)34782300 / 8793 7704 – Fernanda ou Luis.

congresso2013@ministeriodeartesfreedom.com

Site: www.ministeriodeartesfreedom.com

Matéria por:  Stephanie Zanandrais

Assessoria de Imprensa:

Dionei Max

DM Assessessorias | www.dmassessessorias.com